Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Maio, 2017

Estar no Comando, ou SER Comandante

Para os médiuns que participam de um trabalho coletivo, principalmente os iniciáticos, o Comando tem um valor imensurável! Um comandante pode tanto manter a atenção, e sintonia, dos participantes, como ser o elemento desagregador, que permite os pensamentos “escaparem” da finalidade que os reuniu.
O Comandante deve ter “emanação”! A maneira como conduz o trabalho deverá contagiar aos participantes, que literalmente sentem a energia emanada. Muitos são comandantes “perfeitos” ... Emitem e fazem a lei certinho, cumprem todo o ritual com perfeição, mas não trazem a emoção necessária. É preciso vibrar com o comando, sentir-se feliz, motivado e com real intenção de transmitir este sentimento por seus gestos e palavras.
Aprender a fazer tudo certinho é fácil: basta seguir a Lei! Mas muitos não possuem o necessário carisma da condução, e isto não é nenhum demérito! Pois somente é preciso ajustar-se dentro daquilo que pode fazer bem. Recordo sempre o Adjunto Janatã, Mestre José Luiz, que certa …

Me ajude Pai João!

A médium, chegando como paciente aos tronos, identifica-se e toma conhecimento que ali está Pai João de Enoque:
- Me ajuda Pai João, pelo amor de Deus me ajuda a mudar o quê está acontecendo em minha vida!
- Salve Deus minha filha, o quê posso fazer por você? Estou aqui para lhe ouvir e servir se assim for possível.
Pálida, com aspecto claramente sofredor, começou a chorar e contar seu drama atual:
- Estou desempregada e meu marido também. Esses cobradores perturbadores não nos deixam em paz! Parece que estão presentes o tempo todo e fazem tudo dar errado. Não adianta rezar, eles invadem até meus sonhos onde me vejo sempre perseguida ou sonho que estou caindo. Escuto vozes me chamando durante o dia e parecem que estão o tempo todo rindo de mim. Estou doente, já procurei os médicos da terra, que não encontrando nada ficam me intoxicando com remédios que de nada servem, pois sei que meu problema é espiritual. Me salva Pai João! Como é que me livro desta cobrança e encontro um trabalho para …

A magia dos relacionamentos

Os seres, encarnados ou desencarnados, sempre se aproximam por duas premissas: Afinidade ou Cobrança. E mesmo quando se trata de uma legítima cobrança, a aproximação inicia pela afinidade, só que mascarada pelo charme das encarnações passadas.
É impossível visualizar de imediato se uma aproximação, que se inicia pela afinidade, se converterá em cobrança, posteriormente. Isso acontece porque todo reajuste ocorre pelo planejamento de encontro no plano físico, inicialmente traçado no espiritual.
É necessário reajustar! Na verdade, o termo correto seria “reequilibrar”, pois com o advento da Escola do Caminho, iniciado na chegada do Divino Mestre, rompendo o ciclo kármico vicioso, e trazendo a possibilidade da Lei do Perdão, podemos, pelo amor e perdão, reduzir o karma e suas cobranças ao equilíbrio energético.
Explicando: Antes da chegada de Jesus, o Caminheiro, o ciclo kármico obedecia exclusivamente ao “dente por dente, olho por olho”, e os reajustes eram verdadeiras cobranças “centil por …

Sofredores

Um processo normal de desencarne inicia-se 24hs antes do fato em si. Após deixar o corpo, totalmente livre das amarras físicas, o espírito é levado para um sono cultural, onde revive suas lembranças terrenas por um período de sete dias. Ao término deste tempo, retorna ao ambiente terrestre, acompanhado de seu Mentor, de quem recebe o convite para seguir em busca da faixa dimensional correspondente ao seu grau de evolução.
No momento em que recebe o convite, o livre arbítrio é total, independente das condições do espírito. Muitos, ainda apegados aos bens materiais, às pessoas, aos familiares, a lugares e sentimentos, decidem que querem “ver suas coisas”, encontrar pessoas, e ficam “por aqui”. Passam a uma dimensão paralela ao plano terrestre, chamada etérico.
O etérico é muito parecido com o plano físico, pois as energias são densas e a vida é plasmada pela energia dos encarnados, uma vez que não existe produção energética luminosa, apenas o magnético animal absorvido dos seres encarnado…

Vale a pena perdoar?

Nosso espírito já passou por muitas experiências neste plano físico, Tia Neiva falava em aproximadamente dezenove encarnações, em média, para os médiuns da Doutrina do Amanhecer.
No cenário destas outras passagens interpretamos os mais diversos personagens. Ricos e pobres, poderosos e escravos, políticos e rebeldes, religiosos e perseguidores, enfim, podemos imaginar os mais diversos palcos de interpretações da vida real, onde adquirimos estas experiências.
Cabe também lembrar que, no intervalo entre uma encarnação e outra, igualmente vivenciamos experiências acrisoladas no etérico e em escolas da Espiritualidade Maior. Resumindo: não há muito que aprender no sentido de conhecimentos, mas, se ainda estamos encarnados, com certeza, temos muito que aprender no aperfeiçoamento de nosso caráter espiritual.
Nossa personalidade hoje pode ser a mais importante de nossas vidas, ou mesmo a mais insignificante, não sabemos! Mas sabemos que estamos aqui para cumprir nossos reajustes e evoluirmos em…

Ingratidão

A verdadeira caridade é prestada quando está totalmente desprovida de expectativas! (Ministro Anavo)
Meus irmãos e irmãs, muitas vezes nos decepcionamos com as pessoas que ajudamos, pois esperamos um reconhecimento pelo bem prestado. É um sentimento humano esperar por isso.
Quem de nós não passou por alguma situação em que além da falta de reconhecimento ainda recebeu de volta a triste ingratidão?
Porém, a ingratidão é igualmente um sentimento humano e ela só torna-se real quando havia expectativa de reconhecimento, e assim, o bem proporcionado não real caridade.
Em nossa Doutrina aprendemos e realizamos a mais pura caridade: auxiliamos a espíritos, encarnados e desencarnados, totalmente desconhecidos e que na maioria das vezes não possuem qualquer possibilidade de “retribuição”, e se houver reconhecimento, não saberemos.
Esta lição prática de nossa vida doutrinária deveria ser levada adiante em nosso dia a dia também! Quando auxiliamos alguma pessoa não podemos esperar retribuição ou reco…

NOSSAS PALAVRAS MUDANDO NOSSA VIDA – 03

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!
Não podemos mais ignorar o poder de nossas palavras! Vamos refletir um pouco sobre o poder energético envolvido quando falamos: Quando estamos doutrinando um espírito, seja na Mesa ou nos Tronos, emitimos uma energia ectoplasmática que o envolve positivamente. Esta carga positiva neutraliza as cargas negativas dos pensamentos do sofredor e nossas mãos atraem os resíduos mais pesados, igualmente negativos, que são neutralizados ou descarregados (recordemos que para anular uma carga negativa basta aproximar outra positiva na mesma intensidade).
Muitas vezes o sofredor incorporado sequer tem possibilidade de escutar as palavras, mas a energia emitida com elas é mais densa que a dos pensamentos e acelera as condições para que ele possa ser encaminhado. Vejam bem: Nossas palavras sempre estão envoltas pela energia de nossos pensamentos, e tornam esta energia “mais forte”, mais efetiva, mais intensa!
Então vamos ser racionais e entender que tudo o que falamos e…

OS PENSAMENTOS - MUDANDO NOSSA VIDA -02

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!
Vivemos em um mundo físico, e independente de qualquer conhecimento, estamos sujeitos às leis físicas que o regem. Nossa vida material, nossa saúde, nosso trabalho, nossos estudos, nossos relacionamentos com outras pessoas - por motivos emocionais ou igualmente materiais -, trazem uma necessidade de equilíbrio, onde buscamos conforto e realização. É absolutamente natural desejar progredir materialmente e trazer benefícios para os que amamos.
Sim! Somos missionários! Trazer espiritualmente a marca daqueles que possuem um karma “pesado”, que definiu a necessidade da realização mediúnica como forma mais amena de cumprir seus reajustes e reencaminhar a evolução do espírito, nos fez missionários... Mas, Missionários Kármicos! Aqueles que desejam evoluir, cheios de reajustes, mas com a coragem de enfrentar uma missão e fazer algo de bom para a humanidade.
Ser missionário, representar um ponto de luz na tumultuada faixa de transição planetária, vivendo todos os r…

NOSSA ENERGIA MUDANDO NOSSA VIDA -01

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!
Muitas vezes desejei escrever sobre “energia”, pois entendo que tudo ocorre energeticamente e a compreensão da atuação, e direcionamento dela, permitiu que tudo em minha vida mudasse: atinjo meus objetivos, encontro equilíbrio, enfim, vivo feliz! Independente das dificuldades naturais, dos reencontros kármicos, das decepções ou tristezas inerentes à observação da incompreensão dos outros... Eu vivo feliz!
Porém, cada vez que começo a escrever sobre o tema, as páginas se acumulam e o texto se torna extenso demais para ser publicado. Hoje as pessoas desejam mensagens curtas, ou não irão ler. Alguns já se cansam aqui mesmo, em um segundo parágrafo. Mas falar sobre energia não pode ser de maneira superficial demais. É preciso explicar, dar um sentido prático, ensinar com exemplos, ser didático para não correr o risco de ser tomado por apenas mais um falastrão propagador do “Segredo” e outras fórmulas “mágicas”.
Sempre fico neste impasse.
Hoje estava relendo vár…

Quando se paga com dinheiro

A forma “mais barata” de pagar uma cobrança espiritual é com dinheiro.
Muitas vezes nos revoltamos quando sofremos perdas materiais, quando sofremos uma injustiça que nos gera grandes prejuízos econômicos ou nos deparamos com pessoas mesquinhas, que, aproveitando-se de uma situação, querem nos explorar e receber muito mais do que aparentemente lhes é de direito ou mesmo de bom senso.
Nestas horas é preciso refletir muito, evitar cair em desequilíbrio e controlar nosso padrão vibratório, para não gerar uma nova corrente negativa que nos envolve e acaba gerando um verdadeiro “efeito cascata” em nossas vidas, atraindo novas dívidas e mais pessoas mesquinhas.
Sofrer uma injustiça, ou ter um grande prejuízo material é muito pouco face a tantos atos do passado que ainda temos que reequilibrar. Nosso karma, de espírito líder, de guerreiros, é pesado, e toda energia um dia desequilibrada, terá que ser reajustada. Lembremos ainda que estamos com a possibilidade de ser esta nossa última encarnação…

De volta ao lar

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!
Durante os últimos dez dias estive em viagem à Bolívia, por isso algumas das postagens foram repetidas. Fui visitar nosso pequeno povo, formado com muito amor e um sentimento de família que, com a Graça de Deus e a excelente condução do novo Adjunto, Mestre Andrés, Adjunto Aman, preservou esta semente e seu germinar, mesmo com nossa distância física, trazendo uma felicidade intraduzível em palavras.
Um reencontro feliz, muito feliz! Ver o olhar saudoso, receber os abraços carinhosos e tantas demonstrações de amor e respeito! Não há mais nenhuma dúvida que esta missão seguirá avançando e este povo ama a Doutrina e realiza um trabalho reconhecido pela Espiritualidade.
Poderia citar diversas passagens desta visita, mas o mais marcante, sem dúvidas, é o sentimento familiar preservado! Tia Neiva sempre desejou que fossemos verdadeiros irmãos. Que pudéssemos viver com respeito e unidos pelo ideal de servir em uma grande família. Apesar de algumas rusgas, natura…

Eles querem poder ajudar!

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus! Nos momentos em que parece tudo parece sem saída é justamente quando temos a oportunidade de encontrar a nós mesmos.
Pensemos em nossos Mentores, nos Pretos Velhos que tiveram a duríssima prova da escravidão... Nenhuma perspectiva de vida, nem pra si e nem para os filhos, que igualmente estavam condenados a apenas servir em troca de comida e de serem poupados de castigos. Neste ambiente cruel, de dor e desolação, só restava a revolta ou encontrar-se com o espírito! Procurar dentro de si a liberdade e a realização por meio dos cantos, da sabedoria espiritual, que liberta e dá coragem.
Assim, naquela era nem tão distante, foragidos em meio à guerra instalada nas fazendas, Pai João e Pai Zé Pedro, tornaram-se os precursores da Doutrina do Amanhecer. Eles e nossas hoje Princesas, então encarnadas como criolas escravas, e também tantos outros que hoje, na condição de Espíritos de Luz, nos assistem.
Veja a dureza do espírito de Pai João, antigo imperador Romano,…

Coragem!

Muitas vezes, quando cremos que tudo em nossa vida está finalmente se estabilizando, que a “tranquilidade” está chegado, irrompem novas situações nos tirando do comodismo e nos forçando a buscar coragem para enfrentar novas e inesperadas situações.
É comum que fiquemos até revoltados: “mas justo agora quando tudo parecia tão bem?”, insistimos em perguntar. Questionamos à Espiritualidade em busca de respostas, de um porquê, de um motivo para estarmos mais uma ver na berlinda quando tudo parecia “tão calmo”.
Meus irmãos e irmãs, é preciso ter coragem, não fugir às responsabilidades e lutar contra a tendência natural do menor esforço. Não há nada que tanto engrandeça e eleve os homens acima de si próprios como despertar sua força interior.
Na maioria dos casos são nossos próprios Mentores que nos tiram do comodismo para não nos esquecermos de nossa missão. Para não relegarmos a um plano secundário os nossos compromissos kármicos e nossas juras transcendentais.
Os sinais estão sempre presente…

O tempo passa... Agradecimento 2017

Hoje pensei muito sobre tudo que já vivi e quando coloquei estas lembranças no prato oposto da balança dos sonhos que ainda tenho por realizar, descobri que tenho mais lembranças que sonhos. Que por mais que possa sonhar, a realidade mostra que já gastei bem mais da metade do tempo que tinha neste plano.
Entendi que me tornei muito mais tolerante, embora ainda não consiga compreender a todos.
No tempo que me resta não devo mais participar de reuniões que não sejam produtivas, e muito menos aceitar ouvir discursos de gente vaidosa que vive de enaltecer suas “boas obras” e mascarar suas maldades.
Não dá mais para observar calado aqueles que se mordem de inveja e tentam puxar o tapete dos que dizem seguir, cobiçando seus bens, classificações, “sorte” ou dons.
Cansei de propostas milagrosas, falsas promessas, falsos profetas, mentiras e desilusões. Não dá para perder meu tempo com aqueles que desejam iludir e dividir para dominar.
Reuniões sem propósito real e alcançável para discutir Leis, …