ÚLTIMOS TEXTOS

terça-feira, 31 de maio de 2016

Esclarecimento final

terça-feira, 31 de maio de 2016 - 10 Comments


Meus irmãos e minhas irmãs, Salve Deus!

Não gosto muito de falar ficar escrevendo sobre coisas pessoais, porém, respondendo a muitos que vibram em favor desta pequena jornada que por hora me é confiada, venho nesta única oportunidade esclarecer como seguirei minha missão a partir de agora.

Minha esposa, devidamente formada e agora com toda a documentação necessária para o exercício da profissão/missão que escolheu, breve começará a trabalhar como Médica, realizando assim o sonho de sua vida.

Fixamos morada junto ao Povo Aleso, com grande alegria pela maneira como fomos recebidos, e pelas portas abertas junto a este grandioso Ministro e meu amigo e companheiro de jornada que o representa.

Aqui retomo minha missão em escrever para vocês e também alguns projetos de edição externa e aberta. Oportunidades de trabalho são construídas primeiro mentalmente e confesso que não me preocupo. Fazendo nossa parte, nada nos deverá faltar.

As postagens no Exílio do Jaguar e no Facebook, e também nos grupos de Whatsapp, já estão retomadas. Espero em poucas semanas retomar as videoconferências e ampliar o canal do YouTube.

Desde já explico que os grupos de Whatsapp estão lotados, mas, assim que possível abrirei outros grupos. Deixei estes irmãos e irmãs esperando por dois meses e tenho um “caminhão” de perguntas a serem colocadas em dia, antes de pensar em abrir novos grupos.

O Templo na Bolívia segue sob o comando de um componente que foi preparado pela Espiritualidade, desde o primeiro momento que se apresentou para desenvolver sua mediunidade. Não vejo a necessidade em seguir emitindo como um “presidente à distância”. Apego e vaidade já não podem mais fazer parte de nossas caminhadas.

Não tenho nenhuma intenção em partir para iniciar um novo Templo, ou assumir a presidência de qualquer outro. Mas gostaria de, quando a vida estiver novamente dentro de uma rotina previsível, agendar algumas visitas e continuar convivendo com nosso povo, em reciclagens e evangelizações.

Já entrei para a escala normal de trabalhos do Templo e pretendo fazer tudo que puder para servir a auxiliar no que for possível.

Bem é isso! Esclarecimentos dados e agora chega né? Vamos falar de Doutrina como sempre procurei fazer em nossos textos.


Um fraterno abraço, Kazagrande 

sábado, 28 de maio de 2016

O Recomeço - 29/05/2016

sábado, 28 de maio de 2016 - 10 Comments


Meus irmãos e minhas irmãs, Salve Deus!

Por fim estamos estabelecidos no Brasil. Um retorno difícil, cheios de pequenas complicações que somente pela tolerância, adquirida nos sete longos nas terras de Pai Seta Branca, foi possível superar.

É triste ver como muitos podem perder fé imersos em julgamentos! Estamos tão acostumados que acabamos por julgar a nós mesmos, e até aos Mentores, por conta de percalços que fazem parte da vida normal de qualquer ser encarnado.

É preciso acabarmos com a tendência de nos julgamos “tão especiais” que não teríamos lições a serem aprendidas à custa do teste de nosso caráter, ou contaríamos com uma bolha de proteção contra nossos reajustes e vítimas do passado.

Mesmo com a missão que assumimos em favor de servir à Luz, somos missionários kármicos! Não somos os seres iluminados que, ao aproveitar a possibilidade do trabalho espiritual, estaríamos livres de passar pelo necessário aprendizado que nos trouxe de volta à encarnação terrestre.

Nos momentos de dificuldade é que verificamos se realmente aprendemos algo! Se nossa paciência não é da boca para fora, ou se nossa fé “não é só pra bonito”. Afinal, sorrir para todos quando as coisas estão fáceis, qualquer um faz! Agora, seguir adiante, e com fé, nos momentos em que enfrentamos as dificuldades, é que demonstra os nossos verdadeiros sentimentos, que poderiam ser ocultados nos momentos de pretensa tranquilidade.

Somente na hora da dor é que revelamos quem somos! Por isso, por vezes ela é necessária, afinal, todos encarnados podem sentir dor, mas sofrer por ela é uma escolha.

Por vezes é preciso saber dimensionar o momento vivido e priorizar as áreas de maior necessidade. Vale lembrar que a dificuldade pode estar no físico (material e saúde), emocional (sentimentos e relações) ou mesmo dentro do fator espiritual. Devemos direcionar as energias, porém sem jamais esquecer qualquer um dos pratos da balança da triplicidade de nossos ser.

Aprendi a trabalhar ainda mais na dificuldade, embora procure me reservar e evitar expor qualquer opinião em momentos de tensão. Aprender a falar menos também é uma lição desta vida.

Escrevo este pequeno texto como uma reflexão interior e um sentimento de grande satisfação ao saber que venci mais uma! Agradeço de coração a toda vibração e carinho recebido! Tenho absoluta certeza e consciência de que vocês fazem minha jornada mais suave, e este compromisso me desperta para a responsabilidade a cada novo desafio.

Uma vez mais registro um pedido de perdão pela ausência, mas sei que já entendem o porquê da minha decisão: era hora de canalizar para o lado necessário e dedicar-me ao trabalho espiritual direto, pois considero e sei, que estes pequenos textos também fazem parte da missão assumida.


Um fraterno abraço, Kazagrande

RECEBA POR EMAIL

Inscreva seu e-mail e receba todas as publicações do EXÍLIO DO JAGUAR !!!

© 2013 O Exílio do Jaguar. All rights reserved.
Designed by SpicyTricks