ÚLTIMOS TEXTOS

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015

O HOMEM LUZ – Onde está o Doutrinador?

quinta-feira, 31 de dezembro de 2015 - 1 Comment


Texto do Adjunto Aleso – Mestre Valteilton

A figura do DOUTRINADOR há milênios era esperada neste planeta. Desde a formação das primeiras civilizações, nesta nova morada do universo,  já se projetava a necessidade do médium consciente e determinado, do cientista da fé!

Mas consideremos que Sabedoria Divina jamais atropelaria as fases evolutivas e devia conceber que o HOMEM deveria chegar ao patamar do descobrimento de si mesmo.

Por   mais   de trinta mil anos de vida Humana na terra, incontáveis espíritos aportaram neste plano físico, como verdadeiros archotes luminosos, trazendo o ensino para preparação humana. Encontraríamos ao olhar a Bíblia diversos destes nomes... Da mesma maneira observando a ciência e a filosofia!

Personagens importantes na estruturação sócio-filosófica, religiosa e científica deste planeta, que viveram em seus períodos, ajudando a implantar o conhecimento humano, para a adequação consciencional necessária, de maneira que o HOMEM um dia pudesse exercer o seu verdadeiro papel neste cenário.

Milhares de anos passaram, chegamos ao terceiro milênio da Era Crística sob duras provas,  ainda estamos longe  de ter alcançado o nível desejado para um novo vôo evolutivo.

Sim... Há pouco mais de 2.000 anos recebemos o maior de todos os mensageiros: Nosso Divino Mestre Jesus! Aquele que por sua conduta, sabedoria e exemplos plantou a figura do Primeiro Doutrinador deste planeta.

Recordamos com respeito e até admiração a todos que o antecederam, cada qual com sua missão e semente plantada para o momento da chegada Daquele que traria uma nova tônica para nossa evolução: o Sistema Crístico!

É bem verdade que nós não o entendemos, nem a sua missão,  por isto cuidamos logo de tirá-lo do nosso convívio físico, como se fosse possível afastá-lo do seu papel para com a humanidade, dentro dos desígnios de DEUS.

JESUS cumprindo o objetivo da sua vinda, mostrou ao HOMEM o novo Caminho a seguir, indicando o EVANGELHO como a última porta.

Os APÓSTOLOS, seus  seguidores, ficaram com a missão ímpar de levarem em frente o seu ensino, sendo  criada a ESCOLA DO CAMINHO e assim a grande e única religião,  seria somente o AMOR.

Na luta para honrarem a missão recebida, os APÓSTOLOS enfrentaram a tudo e a todos, todavia a tarefa não era fácil e até um dos mais ferrenhos adversários, Saulo De Tarso, convertido passou a integrar o grupo dos seguidores e propagadores da obra Crística.

Quando o cristianismo passou a conquistar cada vez mais  adeptos, os poderosos da época, no Império Romano, ao invés de continuar a perseguir, percebem ser mais vantajoso abraçar a “boa nova”, levando a cabo, no Concílio de Nicea, a adoção como “religião oficial do Império”.

Daí em diante a difícil história da humanidade passa a ser escrita de forma não muito salutar. O HOMEM mais uma  vez altera a trajetória da vida nesta morada do universo.

A religião que surgia como uma forma de  religar a criatura hominal a DEUS, dentro de um sistema de valores totalmente destoante com os princípios do EVANGELHO,  leva mais uma vez a humanidade a perder o rumo traçado pela DIVINDADE SUPERIOR.

Não vou aqui me ater aos percalços e pormenores das  religiões, pois o objetivo aqui não é este.

O próprio JESUS, em suas profecias anunciou algumas fases e ações que chegariam à humanidade, previu a TERCEIRA REVELAÇÃO com o consolador que se concretizou na missão de ALLAN KARDEK, com o ESPIRITISMO.

ESPÍRITO DA VERDADE, se concretiza na missão de AGLA KOATAY 108, em TIA NEIVA, surge então o DOUTRINADOR, há tanto tempo esperado.

O QUE É O DOUTRINADOR? COMO SURGE E PARA QUE SERVE, QUAL A SUA FUNÇÃO?

Para que seja possível entender este personagem na atual história da vida humana, necessário se faz entender a CLARIVIDENTE.

Quem é este ser encarnado com a precípua missão de trazer uma nova esperança à terra?

TIA NEIVA, um simples mulher nascida nos sertões de Sergipe Del'Rei, na pequena cidade de Propriá, às margens do rio São Francisco, que aqui somente nasceu.

Porém para alcançar êxito na sua missão percorreu quase todo este solo brasileiro, enfrentando, com um amor incomum para um espírito encarnado, todas as adversidades inimagináveis e insuportáveis para um humano normal.

Quando a sua mediunidade se revela, então descobre a mais completa e complexa das mediunidades: a CLARIVIDÊNCIA.

A TIA NEIVA tinha por compromisso assumido junto ao SIMIROMBA DE DEUS e ao DIVINO MESTRE JESUS, criar e trazer aquele que  iria representar o espírito da verdade, o DOUTRINADOR, como dito no início esperado ha milênios.

Com uma coragem inigualável para formar nas suas entranhas, aquele que teria que ser o grande farol do planeta, faz no dia 1° de maio, em 1958, o seguinte juramento: "Jesus!   No descortinar desta visão, sinto renascer o espírito  da verdade, na missão que me foi confiada: O DOUTRINADOR ! É por ele a bem dele, que venho nesta bendita hora te entregar os meus olhos.  Lembra-te, Senhor, de protegê-los até que eu, se por vaidade negar o teu santo nome, mistificar a minha Clarividência, usar as minhas forças mediúnicas para o mal, tentar escravizar os sentimentos dos que me cercam, ou quando desesperados me procurarem. Sou sábia, porque vives em mim. NEIVA".

O juramento de nossa MÃE CLARIVIDENTE, reputo como o mais preciso e corajoso que eu conheço, pois estava no descortinar da missão, quando a sua visão começa a clarear e com certeza, não sabia exatamente o que viria pela frente, o que teria que enfrentar para nos transformar em DOUTRINADORES, e ainda chegar a nos elevar a um “KOATAY 108”.

Com este juramento desce ao REINO DAS SOMBRAS e sai com o compromisso firmado que nós não mexeríamos com eles e eles tocariam num fio de cabelo do seu filho: o DOUTRINADOR.

Não preciso nem dizer o quanto esta sua coragem lhe custou, o que enfrentou e o que sofreu, inclusive sua família, a qual aqui rendo minha homenagem. Quem  quiser ter maiores esclarecimentos leia, Minha  Vida Meus Amores, Biografia de Tia  Neiva e a obra de sua filha Carmem Lucia, Tia  Neiva sob os meus olhos.

Formado o Doutrinador como um verdadeiro cientista nas ciências ocultas, capacitado para solucionar qualquer problema de ordem espiritual no planeta. Sentinela do SISTEMA CRÍSTICO e deste AMANHECER, é elevado à condição  exponencial de KOATAY 108, passando a dispor dos poderes iniciáticos.

Para alcançar tal condição, o homem comum de ontem, simples ser que um dia chegou pedindo ajuda para aliviar suas dores, é elevado ao nível CRÍSTICO, ou seja, a fazer a mesma iniciação que um dia há mais de 2000 anos JESUS fez no TIBET,   conduzido por JOSÉ DE ARIMATÉIA.

Na PIRA INICIÁTICA FAZ O SEGUINTE JURAMENTO: "O GUME DESTA ESPADA APONTADA AO MEU PEITO, É A DEMONSTRAÇÃO VIVA DO QUE TE POSSO DAR. FIRA-ME QUANDO O MEU PENSAMENTO AFASTAR-SE DE TE".

A partir deste momento o homem comum de poucos dias atrás, já não é mais um ser normal, agora é: "UM  DOUTRINADOR", de quem muito será cobrado,  tanto diante do compromisso assumido, como do triste e rico transcendente de que é portador, e que somente pela condição de suas heranças TRANSCENDENTAIS chegou  a tal conquista.

Com a consagração assume a promessa da vivência do amor incondicional, da humildade, tolerância e de se dedicar ao trabalho na lei do auxílio, sempre atento à disciplina, conduta doutrinária, hierarquia, leis, chaves e rituais.

Será que estamos preparados para ser o homem-luz eiremos nos conduzir a  altura desejada por nossa MÃE MENTORA?

Desculpem a franqueza, EU também me incluo. Infelizmente o DOUTRINADOR está deixando muito a desejar. Observamos os alertas dos mentores, desde um humilde Preto Velho, a PAI JOÃO DE ENOQUE, OS MINISTROS, o próprio PAI SETA BRANCA, MÃE IARA, e demais mentores, estarem a cobrar do Doutrinador, em todos os níveis hierárquicos.

Quantos TEMPLOS estão em dificuldades, quer para a realização dos trabalhos, não importando aqui em que estágio esteja, quer pelas desarmonias, conflitos, omissões, vaidades, falta total de respeito, conduta doutrinária e moral.

A missão do DOUTRINADOR, para a atual conjuntura desta sociedade, é por demais importante, pois foi preparado na esperança de conduzir o homem para uma nova forma de vida, para a constituição de uma nova sociedade .

Nova sociedade esta que deverá ser sadia, sem   mazelas, dúvidas ou defeitos morais, onde o homem precisará se voltar para o BEM, atento a tudo e a todos não deve temer, devendo envidar todos os recursos para  construir este novo homem, e em consequência a nova forma de viver.

Esta é a missão é o papel do DOUTRINADOR: EMANAR, DOUTRINAR E CURAR.

Emanar, a própria palavra já diz: Criar na sua casa interior um ambiente sadio, salutar,  bom, consciente, com a vivência do mais puro amor, revestido de humildade e de tolerância, que irradie eflúvios luminosos como um Mentor, e que os demais, amigos ou não, sintam sua energia.

Para que a sua emanação alcance os demais é mister que estejamos a distribuí-la! A caridade na lei do auxílio é o grande instrumento! O doutrinador quando consegue emanar aquele que aflito lhe procura, encarnado ou desencarnado,  sente um bem estar tão grande, que às vezes parece flutuar.

Falo disto com segurança, pois sei que muitos dos doutrinadores já sentiram este estado de espírito, após realizar um trabalho onde se entregou com todo seu amor e energia, aquela sensação de paz e de ter alcançado um coração endurecido, lhe faz naquele momento uma pessoa melhor, mais sutil e realizada.

Porém um doente não cura outro. Portanto, se o doutrinador se esforçar um pouco mais, com certeza vai estar dentro de uma conduta perfeita, com um equilíbrio invejável, com tranquilidade e presteza vai se tornando exemplo para os demais.

É aí, aquela máxima de que são mestres ensinando a mestres encontra espaço, ensinar pelo exemplo, sendo  verdadeiro espelho a refletir somente luz, e não como muitos fazem, chamar a atenção, corrigir, julgar ou pior dizer: eu sou veterano, tenho tantos anos de doutrina, sei o que estou dizendo, vocês agora querem mudar tudo... SALVE DEUS!

O doutrinador preso às velhas estradas, arrogante, vaidoso e que se acha dono da verdade não consegue ter emanação, por mais que trabalhe, por conseguinte, também não vai emanar ninguém, muito menos curar.

Muitos são que vivem correndo atrás de consagrações, principalmente de TRINO ou ARCANOS,  como se fossem estas consagrações que aumentariam suas forças, ou lhes faria melhor doutrinador.

Existe um grande engano em todos, tanto nos que buscam, como nos que encaminham e também nos que as outorgam, principalmente quando desacompanhadas dos critérios indispensáveis.

Na carta aos ADJUNTOS KOATAY 108, a TIA NEIVA esclarece para termos cuidado a fim de não matarmos ilusões nem acrisolarmos sentimentos. Quem recebe estas consagrações que em nada vai acrescentar na sua vida ou na sua missão, será que não se encaixa nesta preocupação da Clarividente?

Quantos bons comandantes se perderam, quantos jovens ainda não devidamente preparados suportam hoje nos ombros o peso de uma consagração que não precisavam e que pode estar até lhe atrapalhando?

Quantos são os mestres ARCANOS que não conseguem ocupar suas posições, honrar o juramento de zelar da SETA IMACULADA que KOATAY 108' CULTIVOU EM SEU  PEITO por mais de vinte anos?

Meus irmãos, o DOUTRINADOR precisa sair de detrás da cortina, se apresentar firme em harmonia e assumir suas posições e compromissos,  com humildade, amor, disciplina, respeito às leis e hierarquias, e, honrar o seu juramento Iniciático, que é o mais importante.

Sair da zona confortável para a personalidade e permitir que sua individualidade entre em ação, sair zona dos conflitos,  das disputas de quem sabe mais ou de quem pode mais, e ser simplesmente o autêntico DOUTRINADOR, por quem TIA NEIVA entregou seus olhos a JESUS.

Meus irmãos está cartinha não tem o cunho de ensinar ou julgar ninguém, simplesmente é fruto de uma profunda reflexão que venho fazendo na minha vida e minha missão. Espero somente que possa servir a todos nós DOUTRINADORES, e assim melhor nos prepararmos para melhor servimos.

Vamos Mestres, em todos os níveis hierárquicos, ser o verdadeiro DOUTRINADOR, fruto da coragem e AMOR da NOSSA MÃE CLARIVIDENTE, TIA NEIVA.

QUE O AMOR DE TIA NEIVA NOS ALCANCE.

ARACAJU, SE, 29 DE DEZEMBRO DE  2015.
M. VALTEILTON RIBEIRO SILVA

ADJUNTO ALESO

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015

NOTA DE ESCLARECIMENTO – VISITA AO TEMPLO MÃE

quarta-feira, 16 de dezembro de 2015 - 13 Comments


Meus irmãos e minhas irmãs,
Salve Deus!

Ainda estou em viagem pelo Brasil, por isso a ausência de textos por estes dias, afinal, nem sempre a internet colabora e são muitas emoções também a serem vividas.

Porém, tornou-se necessário um esclarecimento mesmo antes de retornar ao lar.

Observei, com surpresa, uma publicação que afirmava que eu teria me registrado na ordem jurídica que rege o Templo Mãe. Salve Deus!

Realmente estive no Templo Mãe no dia 12 de dezembro. Visitei meu Tio Raul (Trino Ypoarã) e conversamos bastante. Falamos da vida em geral, de meu retorno ao Brasil no próximo ano, da afilhada dele (minha filha) e também um pouco de Doutrina, é claro. Porém em nenhum momento tratamos da filiação do Templo Anavo do Amanhecer à ordem que rege o Templo Mãe. Nem eu me ofereci e muito menos ele pediu qualquer coisa! Foi um encontro familiar apenas. Estávamos ambos sem uniforme. Sequer usei minhas armas durante toda a visita a Brasília.

Também almocei na casa de Tia Verinha (1ª Samaritana Vera Lúcia) e depois participei da confraternização das Muruaicys na casa de minha madrinha, Tia Lúcia (Carmem Lúcia, 1ª Muruaicy). Conversamos longamente com muita saudade!

Depois estive com nossa eterna Aponara Aluxã, Ninfa Helena e alguns Mestres de nossa origem (Paulo Mairink, Hordônio, Renato Castro, Castrinho), tarde da noite retornei ao Plano para poder seguir viagem.

Foi isso, nada mais! Amo a família que um dia me acolheu e que a tanto tempo não tinha a oportunidade de rever.

Deixei a missão de coordenador no meio do ano, mas nosso Templo continua na mesma posição de sempre. Inclusive com médiuns consagrados neste mesmo dia, em Campo Grande. Mestre Welvys, por exemplo, recebeeu a consagração de Filho de Devas (parabéns!).

No próximo ano o Templo passará às mãos de um componente preparado para esta missão e eu retornarei ao Brasil, seguindo minha caminhada. Não sou um homem de “siglas”, mas entendo a necessidade do Templo estar ligado a uma delas pela força decrescente de um Trino. Quando estiver sem a missão de “presidente de templo” estarei ligado ao Templo que for pertencer e agir dentro da força decrescente local, para poder cumprir minha missão. Foi assim que aprendi!

Entendo a decepção de alguns e a euforia de outros ao considerar que eu teria um posicionamento diferente, mas, não é assim! Sendo uma pessoa pública, qualquer posicionamento meu será sempre avisado e publicado por mim, mas quem me acompanha sabe que meu pensamento será sempre que Pai Seta Branca é o mesmo em todas as casas! As ordens físicas são apenas a formalidade necessária exigida pelas leis físicas. As diferenças entre elas são interpretações igualmente físicas, mas creio firmemente que o objetivo de todos é o mesmo: servir à Espiritualidade.
Um fraterno abraço,
Kazagrande


RECEBA POR EMAIL

Inscreva seu e-mail e receba todas as publicações do EXÍLIO DO JAGUAR !!!

© 2013 O Exílio do Jaguar. All rights reserved.
Designed by SpicyTricks