Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Novembro, 2015

A força-luz do Jaguar

Meus irmãos e minhas irmãs, Salve Deus!
O poder em nossas mãos é muito grande! A nomenclatura escolhida para nossa terceira consagração (Centúria) não poderia ter uma definição melhor. Cada um pode efetivamente valer por 100.
A vibração que emitimos ultrapassa as possibilidades de explicação com palavras humanas e mesmo Tia Neiva tinha dificuldade em expressar tudo que via em sua clarividência.
Pensamos... e atingimos! A emanação de amor não se limita pelas distâncias ou tempo, e sempre alcança o receptor em sintonia.
Um exemplo prático encontramos nestes contatos. Pequenos textos aqui postados, e-mails respondidos e mais recentemente áudios de whatsapp trazem em “anexo” uma energia que emociona corações e por vezes chega a modificar trajetórias.
Imaginem então o quanto representam nossos trabalhos espirituais!!! A união de nossas forças, transmutada em energia positiva direcionada para finalidades de caridade pode provocar grandes mudanças em toda a humanidade.
Obviamente a primeira mudanç…

Os Fanáticos

Embora não se deva considerar nossa Doutrina como uma religião (o correto é uma Ciência Espiritual), temos muitas características comuns com as correntes exclusivamente religiosas. Uma das tristes características, que também permeia em nosso meio, é a presença de fanáticos.
Dentre as diversas maneiras como estes se apresentam, podemos identificar algumas de forma bem clara:
Fanático cobrador: Para este, tudo é cobrança! Todos ao seu redor são cobradores e quando ele mesmo faz alguma besteira é porque também está cobrando. Prende-se à concepção dos reajustes e esquece de viver sua vida com naturalidade. Não é muito chegado ao trabalho espiritual, pois sempre tem alguma desculpa de estar passando por uma nova cobrança que lhe impede de chegar ao Templo.
Fanático internado: Vive dentro do Templo chorando as mágoas. Desempregado, com problemas familiares e desajustes sociais. “Interna-se” no Templo crendo que tem que trabalhar o tempo todo para a “vida melhorar”. Com isso, não procura empreg…

Não existe Jaguar covarde

Dentre os muitos médiuns que assumem sua missão, existem aqueles que verdadeiramente são Jaguares, que não temem as mudanças e desmandos, seguindo em frente independente do ambiente ou pessoas que os cercam.
Já falamos de nossa herança espartana e o quê ela definitivamente deve traduzir: disciplina aliada a espiritualização! Sim, somos soldados, soldados da Luz, mas ainda assim soldados.
Não preferimos o caminho mais fácil, sabemos que muitas vezes temos que arriscar. Somos conscientes de nossas qualidades, mas travamos batalha diária contra nossos defeitos.
Não viramos as costas quando precisam de nós e não cultuamos opiniões repetidas. Lidamos com as diferenças todos os dias, preferindo sempre entender sem julgar.
Sonhamos muito com coisas que para os outros é utopia, porque acreditamos e sabemos que nada é impossível.
Respeitamos a hierarquia, assumimos as responsabilidades, mas nos recusamos a ser mandados pela insensatez ou pela visão deturpada do poder que pode alterar o que nos foi …

Perdão pela ausência

Meus irmãos e minhas irmãs, Salve Deus!
Perdoem o “sumiço” destes dias! Além da organização de nossa festa cigana que ocorreu dia 14, a criação dos grupos de Whatsapp trouxe uma necessária reorganização do tempo disponível.
Também as mudanças do perfil do Facebook gerando uma infinidade de explicações para que autorizassem transformar o perfil em página e mudar o nome... Tinha tempo que estava com o limite de 5.000 add, e quase 300 esperando e as vezes se aborrecendo por não ser adicionado.
Tudo resolvido, ou quase... A criação dos grupos do Zap foi um sucesso. Mas ficou muita gente de fora e precisarei criar mais. Atualmente são cinco e todos lotados. Estou encontrando uma maneira de poder atender a todos, mas é preciso um pouco de paciência.
Volto às postagens normais nas páginas do Exílio do Jaguar, no blog e também nos grupos do Facebook.
Novamente, perdão pela ausência!
Um fraterno abraço,
Kazagrande

Whatsapp – Exílio do Jaguar

Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!
Atendendo aos pedidos dos que desejam compartilhar textos doutrinários por whatsapp, estou criando o grupo Exílio do Jaguar. Neste grupo também irei disponibilizar áudios doutrinários!
Para que tudo fique organizado é necessário que coloquemos algumas regras:
·O perfil do whatsapp deverá ter a foto e o nome do médium (imprescindível para que seja adicionado);
·Não serão aceitas mensagens que fujam do propósito doutrinário;
·Sugestões de temas para novos textos serão sempre bem vindas;
·Não serão aceitas propostas que visem gerar polêmica ou gerar atritos com Adjuntos;
·Comentários maldosos ocasionarão exclusão imediata;
·Discussões infrutíferas serão ignoradas;
·Uma vez por semana irei disponibilizar um tempo para me dedicar exclusivamente a responder as questões on-line, assim todos podem acompanhar e participar do bate-papo. O dia e horário será sempre avisado no grupo a cada semana;
·Nem sempre é possível responder às perguntas de imediato, pois todos nós temo…

Família – Parte 01 – Tia Neiva

Extraído de áudio de aula dominical com Tia Neiva, gravada em fita f-7...
Salve Deus! Meus Filhos, minhas filhas!
Quando nós viemos para a terra, chegamos cheios de Amor para aqueles que se dizem nossos inimigos. Nós contraímos uma dívida, e pedimos numa Encarnação, para vir e pra resgatar esta dívida, para fazer voltar a Deus aqueles irmãos, as nossas vítimas, que nós tanto ofendemos, que conduzimos, com a nossa ira e incompreensão, ao erro!
Chegamos aqui equipados de tudo que é bom, e aqui criamos uma Família com nossas vítimas do passado. Dívidas, desamor de outras Eras. Encarnamos, e Deus nos concede a graça da escolha.
Muitas vezes, um Homem e uma Mulher, vão longe buscar sua companheira ou companheiro, para se reajustarem, e receber em seu Lar suas vítimas do passado como filhos queridos.
Deus nos dá a Bênção do Amor, para amar os filhos. Filhos que, cheios de esperança, recebemos nos nossos lares. Mas chega a triste hora dos reajustes...
O Homem, impensadamente, abandona aquele lar…

Os valores familiares e a Doutrina

Tia Neiva nunca cansou de repetir: “Em primeiro lugar a família”.
Nesta afirmativa residia a recomendação da necessária harmonia familiar.
Nem sempre é fácil, eu sei! Mas nossas atitudes devem estar sempre direcionadas para poder obter um consenso, uma convivência melhor.
Os reajustes familiares normalmente são os mais duros, mas ao mesmo tempo podem ser o melhor caminho para a evolução de nosso espírito.
Nossos valores familiares dentro da Doutrina pregam a necessidade em sermos verdadeiros em nossas atitudes, palavras e pensamentos. Assim, é preferível um casal separar a se tornar “inimigo íntimo”. É preferível sair de casa e ir construir sua própria vida, do que viver em eterno conflito com os pais.
Tudo pode ser respondido com bom senso e verdade! Afinal as colunas do respeito e da confiança são impossíveis de remendar!
Os que assumem papel de liderança dentro de nossa Doutrina devem dar o exemplo. Seja em uma convivência harmoniosa ou em uma separação sem tantos traumas.
Entendo que o k…

CARATER

Reconhece-se o caráter de um homem pela qualidade de sua fala (ou escrita)”.
*  Publicado em 2010...!!!
Nestes últimos dias tenho recebido emails questionando textos que circulam pela internet com a clara intenção de justificar a situação atual realizando um proselitismo claro a favor de uma das “ditas partes”.
Muitos incitam uma resposta virulenta, ou caem nas malhas das bonitas construções e se dizem divididos sem saber para onde pender.
Não cabe a mim, ou qualquer ou médium justificar A ou B ou mesmo questionar atitudes às quais somente quem as pratica é responsável.
Pai João já me alertou para não me imiscuir nas disputas, por que corro o risco de emitir minhas opiniões e justificativas pessoais, fazendo exatamente aquilo que não concordo que outros façam.
Por tanto, não vou responder às questões desta ordem, não vou cair no mesmo padrão e realizar o proselitismo tão reprovado por nossas entidades. Não podemos acreditar que estamos defendendo a Doutrina quando acusamos um lado, ou diss…

Constante Renovação

Nossa Doutrina é maravilhosamente dinâmica em todos os aspectos!
Este fim de semana foi muito especial: Na sexta-feira a noite uma energia fantástica envolveu a todos para a Troca de Rosas e cheguei a sentir o perfume de Nossa Mãe no momento da Contagem.
No sábado nosso Curso de Conhecimentos Doutrinários, maneira como denominamos nossas aulas semanais para o aculturamento do médium, apresentou tantas participações que não dava vontade de terminar a aula.
Domingo o Desenvolvimento trouxe dois novos emplacados, completando mais sete novos médiuns nos últimos trinta dias. E depois a Benção do Ministro trazendo mensagens de Luz, Amor e União. Após os trabalhos a energia ainda permitiu um jantar para celebrar o aniversário de uma Ninfa.
Sentado na cabeceira de uma mesa que parecia interminável, eu observava um por um... Suas faces felizes, rindo, falando de Doutrina, questionando e brincando de maneira saudável. Olhei um por um e, depois de comer é claro, me aproximei para sentir de cada um o…

Recordando os que partiram

No Dia de Finados muitos trazem à lembrança aqueles que já realizaram sua passagem para os planos espirituais.
Para nós, que seguimos uma doutrina espiritualista, é o momento de permitir a saudade, mas jamais a tristeza! Temos a consciência de que a vida continua e que, cada um, estará inevitavelmente continuando sua jornada pelas sendas espirituais.
Recordar com carinho e amor, fazer sua prece, permitir as boas lembranças dos momentos vividos, levará esta energia de consolo e fortalecimento até aqueles que fizeram parte destas recordações.
Entristecer? Não! Por quê? A vida continua! Um universo interior será desvendado e os frutos da caminhada terrestre serão colhidos.
Ao permitir a tristeza além da natural saudade, igualmente estaremos enviados estas pesadas vibrações aos que terminaram sua missão encarnada. Corremos o risco de atrair estes espíritos e até mesmo atrasar suas evoluções por conta de apegos ainda não superados.
Ao passo que, se oramos, relembramos bons momentos e sorrimos c…