sábado, 11 de julho de 2015

A HORA DO TRABALHO


Meus irmãos e irmãs,
Salve Deus!

Chegou o momento de pedir pela Doutrina do Amanhecer!

Ainda não compete comentar fatos, pois inevitavelmente em algum momento todos saberão meu posicionamento. Porém é imprescindível nesta hora buscar o esclarecimento da Espiritualidade.

Como sempre afirmei, somente quando elevamos nosso padrão vibracional é que se torna possível ouvir a Voz do Espírito e sentir a presença de nossos Mentores.

Hoje, pela manhã, chorei ao fazer minhas orações e pedi uma resposta, um sinal... E quase de imediato tudo pareceu mais claro!

Por este entendimento é que venho humildemente rogar que todos se unifiquem em favor da Doutrina do Amanhecer. Não em favor de A ou B. Independente de nossas convicções pessoais, de nossas escolhas, apenas unamos nossas vibrações em favor da Doutrina!

Para tanto, para ouvir a Voz de nosso Espírito, e sentir a presença de nossos Mentores, é preciso trabalhar espiritualmente. Vamos neste fim de semana nos dedicar apenas aos trabalhos! Estrelas Candentes, Mesas, Sublimação, Turigano, e tudo mais que faz parte deste enorme acervo deixado por nossa Mãe Clarividente. Ah... Emendemos com a segunda-feira do Angical!

Muitos estão prisioneiros... dediquem-se porque esta jornada, na semana da Bastilha, é coletiva!

Não falo para esquecer os fatos, tapar o sol com a peneira. Jamais! Mas apenas para buscarmos sentir a real sintonia do difícil momento atravessado e nos prepararmos para nossas decisões pessoais. Cada um é responsável pela sua própria jornada!

Não julguemos ou mascaremos nossos julgamentos com avaliações premeditadas ou influenciadas! Vamos ouvir a Voz de nosso espírito que planejou esta caminhada pelos planos físicos e sentir a missão que nos compete.

Tudo que passa ao nosso redor deve nos levar a uma profunda reflexão sobre nossos valores, sobre os valores da Doutrina. Participar e comandar pode ser fácil, mas buscar ser um exemplo ao assumir uma posição de liderança implica em cativar pelas atitudes, palavras e ações.

Não é preciso medo, a missão continuará a ser cumprida enquanto estivermos elevando e resgatando espíritos.

As decisões pessoais de cada um deverão partir pelo contato com a Espiritualidade, jamais pela revolta ou pelo impulso. Sinta o que seu espírito clama primeiro, e depois se posicione. Eu estou fazendo isso, por isso não escrevi durante esta semana, apenas republicando textos e acumulando e-mails.

Eu senti minha resposta, e desejo muito que cada um sinta a sua! Nada de angústias, ansiedades e principalmente nada de comentários que geram energias e correntes negativas. Vamos definir nossa caminhada na Individualidade de cada um! Vamos Trabalhar de verdade neste fim de semana e prol da Doutrina!

Todos erramos em maior, ou menor intensidade. Porém todos que assumem uma liderança são conscientes do que representa a vida pública e o tamanho da responsabilidade inerente ao papel livremente assumido.

Trabalhemos em favor da Doutrina do Amanhecer, com o coração livre e sintamos da Espiritualidade qual nosso papel nesta hora.


Kazagrande

1 comentários:

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.