quinta-feira, 2 de abril de 2015

TÊM PACIENTES NO ANGICAL?


O Angical é um trabalho Iniciático para o Mestrado! Realizado em Templos que possuem Corrente Mestre e onde somente os que já passaram pela Elevação de Espadas é que podem participar.

Após o encerramento do Retiro as portas são fechadas. Um Recepcionista é encarregado de organizar duas filas, uma para os Mestres e outra para as Ninfas, que devem entrar aos pares no Templo, tendo suas indumentárias e plaquinhas do Mentor verificadas. Não se pode entrar sem estar devidamente uniformizado para este trabalho.

Dada a hora de abertura novamente o Recepcionista se posta na porta para impedir a entrada e qualquer movimentação durante a abertura. Somente depois de abertos os trabalhos é que os "atrasados" podem entrar, fazer a preparação na Pira sem a Ritualística completa e individualmente convidar o Mentor responsável pelo Trabalho.

É recomendado que após este trabalho os médiuns se dirigissem diretamente para suas casas e desfrutem de uma noite de sono, evitando outras atividades nesta noite.

Sei que todos já sabem disso, mas fiz questão de reescrever para que observem os detalhes:

Entramos aos pares! Por tanto, o correto é já ter convidado o Mestre/Ninfa para esta realização (assim como na Estrela). É um evento, uma oportunidade, e devemos nos preparar previamente para estarmos com tudo pronto (uniforme específico e companheiro(a) de trabalho). Claro que muitos não possuem a facilidade de fazer os convites com antecedência, e aí impera o bom senso: deve chegar antes e já ir firmando o compromisso antes de entrar no Templo.

Em algumas situações o médium não consegue par, obviamente devem ser poucos, normalmente Ninfas Sol na maioria dos Templos. Neste caso, devem participar da Mesa Evangélica.

Não existem pacientes no Angical! Temos a oportunidade de trabalhar um espírito que nos é trazido especialmente para esta ocasião. Não é um cobrador que chega para nos "incomodar"! É um espírito que, pela grandiosidade deste trabalho, tem a oportunidade de nos encontrar antes do prazo de sua cobrança e receber o esclarecimento e a luz, avaliando nosso comportamento e talvez até tomando a decisão de seguir sua jornada registrando seu perdão.

Não tem exploração do espírito com perguntas a respeito de sua própria vida, afinal, é um sofredor que não possui qualquer compromisso com a verdade e sempre estará contando sua versão da história. Às vezes a empregada da casa vê a patroa como uma Rainha e sai falando que foi escrava da Rainha, e a médium insana ainda sai contando que foi rainha na vida passada. Eles não possuem compromisso com a verdade, repito!

Quem pode revelar alguma coisa e se for absolutamente necessário e útil, é o Mentor! Que vem para antes para esclarecer as condições em que se encontra o sofredor. Não que provém da Luz é inútil!

Normalmente apenas um espírito é preparado para esta passagem, onde por vezes tem relação com o Doutrinador, outras com o Apará e outras com os dois. Não deve ser comum a passagem de vários espíritos.

Não deve ser comum o atendimento a outro médium fora do par! Excepcionalmente, por uma questão de caridade, onde verdadeiramente não havia possibilidade nem do médium passar na Mesa e nem de encontrar um par (fato bastante raro), é que atendemos "pacientes". Reafirmo: Não tem pacientes, esta condição é excepcional e jamais devemos nos dirigir para este trabalho com a intenção de “ser paciente”. É para Mestres e Ninfas!

Eu sempre entendi o Angical como um trabalho para minha Individualidade, por isso cumpro a risca! Vou no horário, com minha Ninfa ou uma convidada, entro,  realizo o trabalho  atendendo o irmãozinho que foi preparado para ele, encerro e vou direto para casa dormir. Não julgo os que fazem diferente, mas aprendi assim e ensino assim.

Um fraterno abraço,

Kazagrande

4 comentários:

PARABENS PELA PUBLICAÇAO, SE MUITOS JAGUARES SEGUIR O QUE A NOSSA MAE KOATAY 108 DEIXOU IA SER UMA MARAVILHA,PENA QUE NAO VEMOS MUITO MAS ISSO.

salve deus muito exclarecedor e rico de como nos comportarmos nos trabalhos

Salve Deus eu sempre fico com medo neste trabalho, porque vejo os doutrinadres fazendo muitas perguntas querendo saber o q eles foram . Na verdade eles vão trabalha com a ideia fixa que e o seu cobrador que estara la faz perguntas e mais perguntas.E muitas vezes não é o cobrador daquele mestre que esta ali, é um irmaozinho q precisa de esclarecimentos para encontra asesso ao plano de luz.

Mestre graças a DEUS por mais esta postagem esclarecedora. Vemos que só com o tempo é que assimilamos muitas informações neste Amanhecer. Estou Iniciado a 04 anos e sempre fui orientado que necessitamos atender Mestres pacientes.Neste momento começo a entender muitas situações que acontecem em um trabalho de Angical. Não compreendia porque tantos doutrinadores e aparás se prostram nos bancos a buscar uma oportunidade para serem atendidos. Abençoadas orientações .

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.