sexta-feira, 28 de novembro de 2014

Sucesso: Vença na vida!!!


“Mestre, não entendo como o senhor tem tanto sucesso... Qual seu segredo?”
Salve Deus!

Meus irmãos e irmãs, "O sucesso é construído à noite! Durante o dia você faz o que todos fazem".

Creio que esta célebre frase define muito bem o “segredo” de qualquer pessoa de “sucesso”.

Não conheço ninguém que conseguiu realizar seu sonho, sem sacrificar feriados e domingos pelo menos uma centena de vezes. Da mesma forma, se queremos construir uma relação amiga com nossos filhos, temos que nos dedicar a isso, superar o cansaço, arrumar tempo para ficar com eles, deixar de lado o orgulho e o comodismo.

Também se desejarmos um casamento gratificante, terá que investir tempo, energia e sentimentos nesse objetivo.

O sucesso é construído à noite! Durante o dia você faz o que todos fazem.

Mas, para obtermos resultado diferente da maioria, nós temos que ser especiais. Se fizermos igual a todo mundo, obteremos os mesmos resultados.

Não compare à maioria, pois infelizmente ela não é modelo de sucesso. Se quisermos atingir uma meta especial, terá que estudar no horário em que os outros estão tomando um café com cigarro ou uma cerveja de fim de tarde.

Temos de planejar, enquanto os outros permanecem à frente da televisão.

Temos que trabalhar enquanto os outros tomam sol à beira da piscina. A realização de um sonho depende de dedicação.

Há muita gente que espera que o sonho se realize por mágica. Mas toda mágica é ilusão. A ilusão não tira ninguém de onde está. Ilusão é combustível de perdedores.

Minha vida é corrida: acordo invariavelmente às quatro da manhã, estudo todos os dias, e fundamentalmente procuro dividir meu tempo com coisas boas e produtivas. Escrevo e respondo e-mails doutrinários, atendo médiuns pessoalmente, aconselho espiritualmente a muitos clientes, procuro sempre um dia da semana para conversar com minhas filhas, escapo da rotina com a esposa e... trabalho muito!

Não é fácil! Durmo pouco, aproveito os momentos em que o trabalho aparece para dedicar-me o máximo para ganhar financeiramente o máximo também.

Quando “descanso” procuro qualidade! Uso o dinheiro sem fazer contas e procuro proporcionar à família tudo que merecem, mesmo que seja a cada dois anos. Prefiro ficar com minhas “meninas” em casa do que sair sem poder aproveitar tudo.

Ou seja: sou feliz! Feliz sem passar horas na frente da tv, sem ficar dormindo grande parte do dia e da noite, sem ficar de papo pro ar pensando no que fazer ou se iludindo com conjecturas fora da realidade que vivo.

Dedicar-se e saber dividir o tempo é fundamental! Aproveitar ao máximo as oportunidades também! Identificar as pessoas que podem nos ajudar a crescer e ser humilde para aprender com elas, mesmo que seja “do jeito delas”, também faz parte do sucesso.

Para aprender é preciso ser humilde, suportar as provações, as personalidades difíceis...

Lembro sempre de minha “filha adotiva” Samara! Ela é um exemplo de quem soube aproveitar todas as oportunidades. Não teve “medinho”, trabalhou incansavelmente sem preguiça e sem “tempo de papo pro ar”. Chegou do nada e sem nada por aqui, suportou todas as duras lições que lhe passei, e hoje é outro exemplo de sucesso! Entendeu que o sentimento está acima das dificuldades de relacionamento e que a maioria destas dificuldades servem para burilar nosso próprio caráter e educação.

Resumindo: "Quem quer fazer alguma coisa, encontra um meio. Quem não quer fazer nada, encontra uma desculpa."


Kazagrande

3 comentários:

muito obrigado por esse texto mestre, com certeza a gente aprende com a vida grandes licoes e com o exilio muito mais, obrigado por essa dadiva.

Salve Deus! Preciso ler e reler!!!! Vamos agradecer a Deus e a Espiritualidade Maior por suas intuições para abordar textos que nos atinjam tão profundamente. Primeiramente, temos que reconhecer nossas falhas e depois encará-las e lutar para sermos vencedores. Obrigada mestre. Que o Pai abençoe a você e sua família. Abraço fraternal.

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.