terça-feira, 21 de janeiro de 2014

As encarnações passadas de grandes missionários


Ao encarnarmos recebemos a Benção Divina do esquecimento! Recebemos uma oportunidade no terceiro plexo para o burilamento de nosso espírito, nascendo novamente, partindo do “zero” em uma nova experiência que dirá o quanto nosso caráter, e nossa força de vontade, evoluíram verdadeiramente depois de nossa passagem pelos planos espirituais.

Providos deste “esquecimento” somos capazes de conviver lado a lado com nossas vítimas e algozes do passado e exercitar a pureza do sentimento, desprovido de opiniões, mágoas e vergonhas, inerentes aos encontros passados.

Sim, o esquecimento é uma Benção Divina e uma Lei a qual todo encarnado está sujeito. Toda Lei proveniente da Sabedoria Divina tem um porquê, jamais será inútil ou desprovida de razões claras e objetivas.

O ser encarnado está sujeito às leis físicas, aos desejos do corpo e aos anseios da mente. Assim, após nosso “descobrimento” da Espiritualidade, temos o natural desejo de conhecer mais a respeito de nosso próprio espírito, de desvendar nossas encarnações passadas. E, aos poucos, de acordo com a capacidade de cada um e com a UTILIDADE REAL que isso possa ter para nós e para a Espiritualidade, vamos tendo pequenas revelações. Alguns detalhes nos são descortinados para que sirvam de claro exemplo em nossas atuais atitudes.

Esta conversa de “você era meu primo na vida passada” é pura fantasia! Recordemos sempre: tudo que provém da Luz tem utilidade!!! Se a afirmativa é inútil ou, principalmente se gera ansiedade ou escraviza sentimentos, é porque veio de maneira má intencionada, e fundamentalmente não é proveniente da Luz.

Fuja dos “falsos videntes” e encerre o papo com qualquer “entidade” que venha lhe trazer estas ansiedades ou esteja a lhe escravizar sentimentos. Tem algo errado ali!

Mas nosso tema principal é outro... Atualmente existe uma “febre” para descobrir “quem foi quem” e qual a trajetória de cada espírito, e com isso, diversas informações, oriundas das mais diversas fontes, se misturam, causando um caos de controvérsias e especulações. Não posso crer que a Luz, que a verdadeira Espiritualidade Maior, estivesse dando mensagens tão  dispersas e que promovem verdadeiras disputas sobre quem está certo... Tal espírito foi este, mas tal médium trouxe uma mensagem dizendo diferente... Qual a utilidade? Podemos crer que Mentores de Luz estivessem preocupados com estas revelações desnecessárias? Podemos acreditar que fará alguma diferença? Salve Deus!

Encontramos apresentações em Power Point relacionando espíritos com encarnações e contradições de toda sorte.

Prefiro seguir Tia Neiva! Sei que foi uma verdadeira Clarividente e as poucas revelações que fez neste aspecto foram por absoluta necessidade e com utilidade comprovada, por isso não posso duvidar dela.

Estas informações desencontradas e sem utilidade não somam em nada em minha caminhada e eu tenho tanto para aprender! Preciso aprender muito ainda sobre Amor, Humildade e Tolerância, antes de preocupar-me com “a vida de outros espíritos”.

Kazagrande


Sei que muitos estão querendo que escreva sobre a possibilidade da encarnação de espíritos em sexos diferentes e quando sentir o momento e a intuição, escreverei sobre isso também.

2 comentários:

Concordo mestre... Se realmente nos fosse necessário compreender vidas passadas e ligações antigas, não nos seria dado a benção do esquecimento... Façamos o que vinhemos fazer. Aprender o que é o Amor, a Humildade e a Tolerância.
Salve Deus.

Salve Deus querido irmão! Concordo em número, grau e gênero... Para mim, o grande PERIGO está na permissão que se dá de se tornar escravizado pelo sentimento dando credibilidade para este tipo de mensagem. Os ESPÍRITOS DE LUZ não estão preocupados com isso. ELES são os nossos verdadeiros ASSESSORES dos assuntos ligados ao PROGRESSO MORAL E ESPIRITUAL. E isso sim, nos dá muito trabalho (evoluir) e já nos toma a muitas encarnações. Um grande abraço fraternal. Ninfa Grega Lua

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.