sexta-feira, 22 de fevereiro de 2013

RECORDAÇÕES DE VIAGEM – 02



TEMPLO JURUMÊ – SALVADOR-BA

A sabedoria de nosso veterano Mestre Manoel Silva, Adjunto Jurumê, foi um grande ensinamento desta viagem. Sua simplicidade e austeridade amorosa, demonstram claramente que é possível preservar os conceitos originais de nossa Doutrina.

Visitando o Templo de Areia Branca, em Salvador, observei o carinho e a seriedade com que “nossas origens” são resguardadas e o respeito a obra de nossa Mãe Clarividente é preservado.

A oportunidade de estar ao lado deste grande Mestre em um trabalho de Trono Milenar ficará para sempre registrada na memória espiritual.

Também encontrar pessoalmente tantas pessoas que conhecia através do Exílio do Jaguar foi uma experiência intraduzível!

Drika é Jeã (se escreve assim mesmo Jeã), nos receberam reafirmando uma fraterna ligação que já existia deste o início desta pequena jornada. É quase que surreal nos tempos modernos pensar que nos vimos fisicamente pela primeira vez, pois a amizade parecia daquelas cultivadas deste a mais terna infância. Agradeço muito ao Pai por tê-los em nossos caminhos!

Nancy e sua família também nos acompanharam em nossa estadia, nos levando a provar comidas baianas “de cinema”, que foram preparadas com muito carinho em sua casa. Minha irmã, obrigado de coração! Não apenas pelo almoço, mas pelo carinho, pela paciência nas ruas de Salvador, pelo amor fraterno que vivenciamos em conjunto! Te amamos!

Não posso deixar de registrar também o encontro com a Dora Márcia! Ninfa “de lei” que se faz presente no Exílio deste os primeiros passos.

Novamente: Obrigado a este povo bendito de Salvador que aprendi a amar e onde deixei o compromisso de voltar para um Trabalho de Turigano!

Kazagrande

1 comentários:

Mestre,

Somos felizes pela sua presença, pois a cada dia, grandes irmãos passam por este pequeno casebre, deixando sempre uma emanação de amor. Saibas que este templo é de todos. É a casa do PAI. E, assim sendo, tem sempre um cantinho reservado para os queridos filhos.

Um grande abraço,

Renilton Gomes
Adj Abajã
Vice-Presendente do Templo Jurumê do Amanhecer

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.