TIA NEIVA

TEU PADRÃO VIBRATÓRIO É A TUA SENTENÇA

O CENTURIÃO

Todos os direitos autorais e edições impressas doadas à Doutrina do Amanhecer.

ADJUNTO ANAVO

MESTRE KAZAGRANDE

PÉROLAS DE PAI JOÃO

Todos os direitos autorais e edições impressas doadas à Doutrina do Amanhecer.

MINHA MISSÃO É MEU SACERDÓCIO

EXÍLIO DO JAGUAR - KAZAGRANDE.

domingo, 25 de setembro de 2011

De volta à normalidade


Meus irmãos e irmãs, Salve Deus!

Creio ser este um dos mais difíceis textos que já redigi para o Exílio do Jaguar. Desde quinta-feira, quando foi lançado o livro “O Centurião”, estou sem atualizar o site. Nunca antes passei de um dia sem postar!

É para mim o texto mais difícil, porque ao mesmo tempo em que tenho que prestar contas deste evento, tão apoiado e esperado por vocês, tenho que me policiar contra qualquer tipo vaidade, pois eu não esperava que tudo fosse tão perfeito nestes últimos dias. Por mais confiança que tenho na Espiritualidade, não podia imaginar que pudesse merecer tantas oportunidades, encontros, reajustes e felicidades em uma só data.

O livro foi apresentado por pessoas muitos especiais: Dr. Luiz Rocca, proprietário da Livraria e Editora Ateneo, Médico Espiritualista e pessoa de grande respeito em toda a comunidade espiritualista local, Adjunto Agázio, Mestre Maurício Maniçoba e Adjunto Afaram, Mestre Bóris Villegas. Membros das mais diversas comunidades espíritas da Bolívia, além de autoridades locais e consulares, estiveram presentes. Também meus irmãos e irmãs da Doutrina do Amanhecer, aqui de Santa Cruz, estivem presentes lotando o quê inicialmente acreditava que seria apenas “umas fotos para registro”.

O encontro com Mestres que vieram do Brasil para este evento, bem como o reencontro com o Adjunto Galmo, marcaram a forte emoção vivenciada por este coração de Jaguar Exilado.

Gostaria de compartilhar tantos detalhes vividos e citar cada momento especial, mas vou me ater a agradecer e pedir ao Pai que eu possa continuar digno de tanto que tenho recebido.

Obrigado a todos vocês, que mesmo distantes, vibraram intensamente com este evento. Enviando centenas de e-mails, mensagens e telefonemas! É impossível agradecer a cada um individualmente, pois o texto ficaria interminável, porém, como de costume, agora irei colocar a correspondência em dia e responder a cada um.

Hoje é a inauguração do novo Templo de Santa Cruz de la Sierra, Bolívia. E, depois de tanto tempo, fui convidado para estar presente. Com grande alegria estarei participando desta realização que “coincide” com tantas outras emoções.

Procurarei atender pelo Correio todos os que enviaram seus endereços, até que se esgote a edição impressa.

Já enviei primeiramente para nossos Trinos (Ajarã, Ypoarã e Sumanã) e também para as filhas de Tia Neiva (Carmem Lúcia e Verinha), em conjunto com a documentação que oficializa a doação de todos exemplares e direitos autorais, e CD para livre reprodução e reedição. Neste ponto agradeço a Ninfa Lygia Giovanini, portadora do Templo Mãe, Mestre Raphael Colona, portador para o Trino Sumanã e ao Mestre José Donato, portador para o Trino Ajarã.

A versão digital do livro já está pronta e amanhã, segunda-feira, estarei postando para todos os cadastrados no Exílio do Jaguar, seguindo depois para todos de minha lista particular e posteriormente para todos que escreveram especificamente para este fim.

Obrigado de coração! Tenho total consciência de que as orações e vibrações de vocês é que permitiram que esta realização se materializasse também!

Agora é colocar a correspondência em dia, terminar a distribuição e pedir que me ajudem a escolher o tema para o próximo livro.

Um fraterno abraço, impregnado com toda a energia possível de se transmitir por este meio,

Kazagrande

quinta-feira, 22 de setembro de 2011

Convite para o Lançamento do Livro “O Centurião”


Dia 22 de Setembro de 2011 – Quinta-feira – 18hs30min - Livraria Ateneo – Santa Cruz de la Sierra – Bolívia

Apresentação Oficial e Esclarecimentos sobre os direitos autorais

Todos os médiuns presentes receberão o livro gratuitamente e os provenientes do Brasil poderão levar uma quantidade para ser distribuída nos Templos do Amanhecer.

A passagem de avião de Campo Grande à Santa Cruz custa R$ 178,96 (R$ 357,92 ida e volta na Tarifa Programada da Gol). Saída 20/09, retorno 23/09.

A hospedagem pode ser em residências de médiuns amigos do autor (sem custos) ou em hotéis (R$ 12,00 à R$ 50,00 a diária).

Refeições de R$ 3,00 à R$ 10,00.

Contatos e maiores informações: Kazagrande - Fone: 00-21-591-7991-7609 (disque exatamente assim para chamar a partir de qualquer cidade do Brasil).

CONTRACAPA e COMO “ADQUIRIR O LIVRO”


Meus irmãos e irmãs, desde que anunciei o lançamento do livro “O Centurião”, já recebi centenas de emails de Mestres e Ninfas que gostariam de obter um exemplar.

De acordo com o esclarecimento inicial, esta primeira edição, não será vendida. Assim como doei todos os direitos sobre o livro, irei doar gratuitamente todos os exemplares que pude editar e os próximos que tenha condições de fazer.

Como o livro chegará as suas mãos? Sinceramente ainda não sei! Mandarei o quê me for possível pelos Correios, sempre pedindo para que sejam livremente distribuídos. Também enviarei um CD, com os arquivos prontos para edição e impressão, de modo que possa ser impresso e distribuído pelos diversos Adjuntos que solicitaram.

Procurarei atenderei a todos que me escreveram e que por ventura ainda venham a escrever, enviando enquanto ainda dispor de edição impressa, e posteriormente de maneira digital, facilitando sua impressão.

Assim como sempre respondo a todos os emails, mesmo algumas vezes demorando um pouco, também cumprirei esta missão.

Já tenho a confirmação de alguns Mestres que virão para a apresentação, e estes, com certeza, terão a missão de levar alguns exemplares para postar a partir do Brasil, que se torna muito mais barato para este Jaguar Exilado.

Abaixo segue o texto da contracapa do livro.
Kazagrande

Contracapa

O Centurião no antigo exército romano era a patente de um homem responsável por outros cem homens.

Hoje, no Vale do Amanhecer, o Centurião é o médium completo. Preparado e conhecedor das Leis e Chaves do Amanhecer. Através da Centúria o médium verdadeiramente deve tomar consciência de sua missão. Passa a ter a responsabilidade de conhecer nossas leis, e saber conduzir-se em um trabalho, seja comandando ou comandado. Soma-se a isso a responsabilidade de também externar a sua conduta.

Através de nossas ações é mudamos nossa vida! Todos os dias devemos pedir o devido auxílio para zelar pelos nossos pensamentos, palavras e ações.

O Centurião perde o direito ao julgamento do próximo, passa a ser juiz de si mesmo! Tia Neiva já afirmava que “o maior desajuste é o julgamento". Julgamento é uma palavra bastante abrangente, se refere até mesmo para aqueles momentos em que acreditamos estar sendo vibrados.

A Centúria implica primeiramente em MAIS RESPONSABILIDADE E COMPROMISSO.
Kazagrande

"A Centúria significa para o Apará um portal de desintegração aos mundos ainda desconhecidos, é mais uma chave com mil conhecimentos”.     Tia Neiva

Índice do Livro


Índice

Esclarecimento Inicial
A doação
Prefácio
Prefácio ao leitor estranho à Corrente
Agradecimentos
Participações
Dedicatória
Índice  

1º Capítulo  

A Hierarquia do Mestrado  
Chamada Oficial  
Tratamento como Mestres e Ninfas   
O “Salve Deus!”  
Hierarquia Espiritual  
Centúria  
O Centurião do Vale do Amanhecer  
O Centurião nos Planos Evoluídos  
Conduta doutrinária  
Não julgar  
Humildade, tolerância e amor  
Amor incondicional  
Espíritos de Luz  
O quê é um Espírito de Luz?  
Roupagem  
Nossa Roupagem  
Roupagem das Entidades  
Nossos Mentores  
Pretos Velhos  
Caboclos e Caboclas  
Médicos de Cura  
Cavaleiros de Oxossi  
Princesas  
Cavaleiros e Guias Missionárias  
Cavaleiros Águias  
Cavaleiros de Oxan-By  
Ministros  
As Ninfas não têm Ministro?  
Espíritos Sofredores  
Falanges  
Exus  
O Pacto de Tia Neiva  
Murumbus  
Homulus  
Murussangis  
Sexus  
Alaruês  
Muys  
Falcões  
O Vale das Sombras  
Tronos Milenares  

2º Capítulo  

Entrando na Individualidade  
O Desenvolvimento  
Mediunização  
Personalidade e Individualidade  
Mantras  
A Prece Simiromba  
Hinos do Amanhecer  
A Emissão  
Emitindo  
Estilos Iniciáticos  
Chaves  
Passe Magnético  
Ionização  
Abertura de Plexo  
Primeiros Trabalhos  
A Mesa Evangélica  
Ninfa Sol no Farol  
O “Papelzinho”  
Linha de Passe  

3º Capítulo  

Cientistas da Fé  
O perigo da Ciência sem Fé e Fé sem Ciência  
Doutrina, não religião!  
As Religiões nos Mundos Evoluídos  
O cientista Jaguar  
A Cura Desobsessiva  
Álcool, Fumo e Drogas  
O Álcool  
Entorpecentes  
O Tabagismo  
Obsessores  
O “irmãozinho” nos Tronos  
Mas para onde vai aquele espírito?  
O que é um espírito obsessor?  
Obsessão e Possessão  
Elítrios  
A História do Doutrinador  
Outros Trabalhos  
Angical  
A Comunicação no Angical  
Histórico do Angical  
Sessão Branca  
O Trabalho de Xingu  
Sanday de Cura  
Os Médicos de Cura  
Sanday de Junção  

4º Capítulo  

Vibração  
Amor Incondicional  
Vibrações  
Emissão e Recepção  
Padrão Vibratório  
Correntes Negativas  
Como opera a Indução?  
Como evitar a formação de novas Correntes?  
Atraindo boas pessoas  
Sistema Crístico  
Jesus e os Essênios  
Canal Vermelho  
O Neutrôm e o Esquecimento  
Sem Vidência!  
A Ciência do Cosmos  
O invisível da Terra  
Tronos  
Horizontal e Vertical  
Salve Deus Ninfa vamos para os Tronos?  
Escolhendo o Preto Velho  
As dúvidas do Doutrinador "?"  
A Responsabilidade do Doutrinador nos Tronos  
As dúvidas dos Aparás  
O Confessionário  
Por que a falta de controle?  
Ninfa não trabalha com Ninfa, por quê?  
Pai Seta Branca nos Tronos  

5º Capítulo  

O que é Livre Arbítrio?  
Jaguares da Última Hora  
Estrutura de um Espírito Encarnado  
        Os Três Reinos de minha Natureza  
        O Interoceptível  
Outros Elementos  
        Micro Plexo  
        Macro Plexo  
        Plexo Iniciático  
Novos Elementos  
        Orbe  
        Movimento Centrípeto  
        Força Centrípeta  
        Movimento Centrífugo  
                Força Centrífuga  
        Jeová Branco, Jeová Negro  
        Ectolítero, Ectolítrio, Sol Interior  
Estrutura de um Espírito Desencarnado  
FORÇAS  
        O Sol Interior  
        A força  
        Energia Manipulada  
        Força Iniciática  
        Força Esparsa  
Lei de Causa e Efeito (Karma)  
Prisioneiros  
        A fita roxa  
        Um Bônus em Cristo Jesus  
        Ataca  
        História da Guia Missionária Aragana
O Bônus-Hora  

6º Capítulo  

Desencarnando  
O Charme  
Reencarnando  
As projeções energéticas – Roupagens  
Desmistificando o Leilão  
Cismam de Ireschin  
A Corrente Mestre  
O Encerramento  
Caindo as máscaras  
Os Encantos do Alabá  
Abatá  
Aramê  
Um Aramê    

7º Capítulo  

Oráculo de Simiromba ou Oráculo de Ariano  
A Primeira Contagem  
A Contagem  
Desintegração do Espírito  
O Vento  
Tanoaê  
Tanoai  
Tanoay  
Tanuy  
Leito Magnético   
Pytia – Uma das encarnações de Tia Neiva  
De Esparta à Roma  
De Roma ao Templo Mãe  
Palavras do Tumuchy  
Vou Consagrar Centúria  

Doação dos Direitos do livro “O Centurião”


(Texto de esclarecimento nas primeiras páginas do livro)

Este livro pertence a “Doutrina do Amanhecer”, tendo a doação de todos os direitos registrada em Cartório de Fé Pública em Santa Cruz de la Sierra - Bolívia, país onde foi originalmente editado pela primeira vez, com Tradução Oficial reconhecida pelo Consulado Geral do Brasil em Santa Cruz de la Sierra.

É livre sua reprodução, integral ou parcial, desde que se respeite a originalidade dos textos.

Todo seu conteúdo é baseado em textos e gravações doutrinárias de livre acesso a todos os médiuns da Doutrina do Amanhecer.

A primeira edição consta de 500 livros, realizada com recursos próprios do autor físico. Todos os exemplares serão doados sem qualquer custo aos membros da Doutrina do Amanhecer.
Kazagrande
A documentação oficial, que está sendo enviada aos responsáveis pela Doutrina e Herdeiros de Tia Neiva, pode ser obtida neste link:

terça-feira, 20 de setembro de 2011

Pai Seta Branca nos Tronos


Meus irmãos, não é de hoje que escuto que Pai Seta Branca veio nos Tronos dar uma mensagem. Não é que eu considere que ele não possa fazer isso, mas, Salve Deus! Não seria uma tremenda falta de caridade do Pai em relação ao médium em questão?

O Médium que incorpora uma entidade identificando-a como Pai Seta Branca cai em descrédito. Muitos acabam não falando abertamente, mas a verdade é que algo soa de forma estranha nesta Contagem.

No meu entendimento existe todo um preparo para que o Pai possa estar pessoalmente incorporado. Uma imensa corte astral se desloca, todo um sistema energético e espiritual é realizado para permitir que uma entidade de Alta Hierarquia projete em um Apará. Basta que observemos a necessidade da “Cultura de Pai Seta Branca”, implantada por Tia, para viabilizar uma incorporação no Oráculo ou nas Bênçãos, onde sequer mensagens são proferidas.

E no fim do ano? Quando o Pai vai falar então! Vejam a necessidade de uma imensa quantidade de médiuns presentes para trazer o equilíbrio necessário de tal realização.

Nas bênçãos do Pai, nos Templos do Amanhecer, todo um preparo também é exigido. Mestres e Ninfas devidamente preparados se deslocam para auxiliar na organização do ritual.

Nos Tronos? Sigo o raciocínio de que se o Pai precisar dar uma mensagem pessoal para um determinado médium, ele viria na simples roupagem de um Preto Velho, e suas palavras, sua emanação, seria a mesma, atingindo o objetivo de sua mensagem.

Nossa própria Mãe Clarividente também, se for necessário, virá na roupagem da mais humilde Preta Velha e deixará registrada no coração de cada um a mensagem.

Na Luz não existe mais a vaidade! Não há porque uma Entidade usar a roupagem de alta hierarquia para se apresentar, salvo em situações que a energia local permita e o Ritual esteja totalmente dentro de nossas Leis.

Não há necessidade de Entidades de Alta Hierarquia apresentarem-se como tal, submetendo o Apará às dúvidas da maioria do Corpo Mediúnico. O Apará pode até sentir a grandeza da energia que o envolve nesta hora, mas nunca será inspirado pela Luz a envaidecer-se pela incorporação!

Pessoalmente, tenho a certeza que já recebi mensagens que marcaram profundamente meu espírito, dadas por um Preto Velho, ou Preta Velha, quase que desconhecido. Posso até sentir que “veio de alguém conhecido”, mas o que realmente importa é o quanto marcam nossa jornada. Somente pela emanação é que chega ao coração de um Jaguar.

Se estivesse em um Trono, onde Pai Seta Branca se manifestasse sem qualquer motivo plausível, ou sem claramente a estrutura necessária... Salve Deus! “Oh! Obatalá...” seria a minha resposta. Não seria nosso próprio Pai a violar os Rituais que nos trouxe através de Tia Neiva. Salve Deus!

Kazagrande

segunda-feira, 19 de setembro de 2011

A SUSTENTÁVEL LEVEZA DO SER


Salve Deus!

Somos tão livres quanto a videira que se expande por crescer e produzir, e quanto melhor os nutrientes que esta planta absorve, melhor serão os frutos que dispõe.

A consciência é dona de si mesma, e não precisa se alimentar do que não lhe traga progresso, mas estará a todo o momento sendo provada na sua própria ciência de independência, pois ao estagnar-se em palavras ou possíveis intenções, acabará por dignar-se como escrava, de preceitos que não são seus, apenas de construções ideológicas ao longo dos fictícios tempos.

Tudo são oportunidades, o perdão é o grande libertador; por mais que venhamos a criar um julgamento idiossincrático, sempre ele estará lá, aguardando ser bem utilizado e proporcionando a cura espiritual.

Nem todas as individualidades atuarão na conformidade dos desejos de nossos egos, pois se assim o fizessem, estariam o fortificando, em detrimento de um ensino maior.

O conhecimento é apenas uma corda que se estende a sustentar algum equilíbrio da razão e logo se romperá quando por si, a utilidade que praticava, não mais provará sua necessidade diante da constância do Ser.

A proposta de mostrar-se certo não é algo que esteja na essência superior, pois quando a claridade se faz, não precisa expulsar nenhum demônio que a circunvizinhe, já que de si, nada pertence além do seu próprio entendimento de completude.

Irmãos, vivemos propostas de um novo mundo, este com suas bases sendo erguidas interiormente, e o que de adventício se compor, será apenas mais uma carga a transportar. Salve Deus!

Sejam a Paz!
Mestre Lua Anderson Augusto

Zíbia Gasparetto – Download


Mais livros desta grande autora para baixar grátis.

Estes livros trazem valorosas mensagens de Luz e nos auxiliam na compreensão da vida fora do corpo. Em intrincadas relações emocionais, físicas e espirituais, relatadas em forma de romance, podemos ter um contato com parte da realidade espiritual que nos envolve. Recomendo a todos como forma a aculturamento mediúnico.

Um fraterno abraço e boa leitura!

Kazagrande

domingo, 11 de setembro de 2011

Emails e Livros

Estimados Irmãos e Irmãs,
Salve Deus!

Mas uma vez venho pedir perdão pela demora em responder os e-mails. Esta semana, além dos incontáveis e-mails extras, pelo advento do lançamento do Livro “O Centuriao”, estou migrando meus documentos para um novo computador, que se fez necessário em face de tantos compromissos.

Posso responder coletivamente a todos que me perguntam sobre como adquirir o livro:

Dia 22 de setembro, quinta-feira, farei o lançamento da edição impressa e distribuirei aos presentes com o compromisso de que estes levem aos Templos.

Alguns médiuns receberão também por remessa postal, exemplares a serem entregues nos Templos.

Não poderei mandar para todos via Correio, pois o custo seria muito alto e mesmo considerando que muitos se ofereceram para pagar a postagem, eu não me sinto a vontade para receber nada. Atenderei o quê me for possível e depois faremos um lançamento da edição digital, para que possam imprimir e compartilhar com seus irmãos e irmãs.

Mandarei diretamente por e-mail para todos que estiver cadastrados no “Exílio do Jaguar”. Se você já recebe diariamente os textos do site, tenha certeza que a primeira remessa digital chegará até você.

Em um terceiro momento, passarei a enviar para os que não estão cadastrados, mas fizeram a solicitação por e-mail. Posteriormente ainda enviarei um link para baixar para todos os participantes de minha lista de envio, nesta, com certeza, seu nome estará.

Creio que poderei atender a todos, e afirmo que a reedição do livro é livre. Pertence a Doutrina do Amanhecer e todos que desejarem reproduzir para beneficiar seus Templos, podem assim fazer.

Irei responder a todos os e-mails, como sempre tenho feito, mas posso antecipar minha profunda e sincera gratidão pelo apoio recebido. Por tantos e-mails e telefonemas! Mestres e Ninfas que se prontificaram a ligar diretamente: Obrigado! Vocês não têm ideia do quanto fiquei feliz em ouvir a voz de meus irmãos novamente.

Recordo, porém, que nenhum mérito me pertence, sou apenas um imperfeito instrumento pedindo a cada dia para poder ser digno de tudo que tenho recebido. Sei perfeitamente que somente pelos nossos abnegados Mentores é que se pode chegar ao coração de outro irmão Jaguar. Sem eles, estes pequenos textos soariam sempre como palavras tantas vezes repetidas e sem a emanação que nos permite verdadeiramente nos unir em prol do que seja bom e produtivo.

Um fraterno abraço,
Kazagrande

CORRIGIR


Texto do Mestre Lua Anderson Augusto  
  
O Mestre Jesus, quando esteve presente neste plano terrestre foi cercado de muita incompreensão, pois muitos não entendiam porque ele não corrigia os Romanos, invasores, dominadores, cruéis e desrespeitosos às vistas do povo judeu. Já os mais ‘espiritualizados’ gostariam que ele corrigisse sim o Sinédrio, com homens que misturavam religião e política, que eram duros nas leis e desconheciam os caminhos do coração.

Mas o Caminheiro não atendeu a expectativa de muitos, pois nada viera corrigir. Demonstrou sim a hipocrisia dos membros do Sinédrio que conheciam as leis de Moisés e cobravam, com suas pesadas cargas, o cumprimento delas somente dos outros que não fossem eles mesmos. O Mestre ainda mostrou aos judeus que dessem a César o que fosse de César, ou seja, que se voltassem mais à espiritualização pois as dívidas materiais eram apenas pertencentes à mesma.

A melhor correção é a autopostura dos conhecimentos adquiridos, é ser a própria mudança que se gostaria de poder vislumbrar. É aplicar os conhecimentos trazidos pelos Mestres em si mesmo.

Querer corrigir os outros é de fato uma demonstração de medo. Os ensinamentos necessários são trazidos nos momentos oportunos pelos que foram preparados para isto. Para querer corrigir é preciso, primeiramente, ver o erro, e preocupar-se com o erro de outrem é o melhor indicativo do nível evolutivo de cada um.

‘Chamar a atenção de alguém’ não é a mesma coisa que orientar. Orientar é perceber a dúvida do próximo na mesma proporção em que se nota uma abertura para o esclarecimento da mesma.

Na maioria das vezes, o ‘querer corrigir’ é uma tentativa de autoafirmação do Ego, que tem medo de morrer, que tem medo de perder a oportunidade de ‘crescer’, de se fazer maior.

O medo é a raiz. O Ser que se entrega às emoções estará pronto para reagir contra aos que acha que errou contra si, mas aí onde estaria a espada do espírito? Uma mãe quando conversa com um filho não lhe entrega apenas palavras. Uma grande mãe já passou nestas terras de cá e entregou muito aos seus filhos. Busquemos a consciência acima da automática reatividade.

A correção ainda é a busca de se salvar alguma coisa que acredita ser o certo, é querer preservar a noção de originalidade porque senão, supõem-se, que o caos dominará, quando a verdadeira prática da tolerância não permite a instalação desta aludida falta de ordem. A falta de ordem pode se instalar somente em nossos corações quando não conhecemos o mínimo da incondicionalidade do amor.

A mente ainda fixará ao ‘Guerreiro’ de que o mesmo está fazendo a melhor coisa quando sai a fiscalizar e a reclamar dos outros, mesmo que este esteja em correntes negativas não perceberá, porque para ele a razão está ao seu lado, independente do que cause aos outros.

Ainda não é raro a chegada de um pensamento: “mas se não fizermos nada tudo será destruído, tudo será perdido”.Continua assim a ideia do medo. Como se não existisse uma força superior imanente em todas as coisas com seus trabalhadores fieis em toda sua extensão.

Mas então o que fazer? Trabalhar no que foi preparado, fazendo a própria parte da melhor maneira possível, exercer a função a que se comprometeu sem esperar que alguém traga o que é preciso fazer por si mesmo, e por fim, ensinar com o próprio exemplo, sem sentir-se certo, sem sentir-se errado, apenas sendo um instrumento da verdade que os olhos não vêem, onde o medo não domina, onde busca-se o exemplo do servidor.

Deixemos um pouco as nossas contrariedades de lado, elas são apenas o alimento do personalismo que procura sobreviver nesta época de transição consciencial; encontremos agora o que há a nosso favor, que não estará estampado em nenhum código de leis, pois é imanente em cada um e não precisa de autorização para existir, e não se minimiza na presença de ninguém, pois é o Tudo que possa ser.

Salve Deus!
Anderson Augusto
Mestre Lua