domingo, 18 de março de 2012

Sexo e Doutrina


Um dos temas mais difíceis de se abordar em nossa Doutrina é o SEXO!

Mesmo Tia Neiva somente usou a palavra em três de seus inúmeros escritos: na carta “Era uma viagem”, escrita na UESB, ainda em 1960; na 6ª Carta da Corporação de Adjuntos, originalmente escrita em 26 de junho de 1965, mas somente editada em 9 de outubro de 1984; e uma de suas pérolas, que não chegou a tomar forma de carta. É justamente por esta pérola que inicio nosso texto de hoje.

“O sexo não é como o álcool, que deteriora os poderes do nosso Sol Interior. Porém, conforme a sua conduta, deforma e desmoraliza o destino do missionário”. Tia Neiva

A frase parece completa e dispensa comentários, mas creio que uma analogia, com exemplos práticos, poderá facilitar sua interiorização pela nossa difícil personalidade.

Vemos muitos de nossos irmãos e irmãs colocando toda sua jornada a perder, apenas por cederem aos desejos sexuais e entregarem-se às inúmeras obsessões exploradas pelos Vales Negros.

Somos lindos! Nossas indumentárias são vestidos de gala, nossas capas dão um toque de elegância e sofisticação, que normalmente não temos em nossas vidas profanas. Qual Ninfa não fica linda de indumentária? Qual Mestre não se transforma em um Príncipe com sua altiva capa? Além disso, quando envergamos nossas indumentárias, refletimos a Luz de nossos Mentores! Somos o Cavaleiro projetado, a Guia Missionária com todo seu explendor!

Atraímos inconscientemente a todos que aspiram algo de evolução, como a luz da lâmpada atrai às mariposas.

Infelizmente, muitos se aproveitam deste poder de atração e mergulham nos desejos da personalidade, relacionando-se com pessoas que não foram atraídas pela personalidade ou beleza física.

A isso Tia se referia: Deformação e desmoralização da jornada, por ceder aos desejos da personalidade, face a atração provocada pela Luz de nossos Mentores.

Nosso comportamento, nossa maneira espiritualizada de ver o mundo e explicar os fenômenos, que a maiorias das pessoas ainda ignora, é um fator de forte atração. Mas não podemos nos valer do conhecimento que recebemos, a ser aplicado pelo bem da humanidade, pára, claramente expressando: seduzir, aproveitar a vida, e gozar de oportunidades sexuais que se apresentam com muita freqüência.

Somos Missionários! Despertemos para esta máxima! As pessoas são atraídas pelo que podemos proporcionar de bom produtivo para suas vidas, e é um verdadeiro crime se aproveitar.

Quando estamos de uniforme não podemos, em hipótese alguma e nem sob qualquer pretexto, se aproximar de outra pessoa com intuitos que não sejam condizentes com nossa missão. Não se pode trocar telefones, marcar encontros, levar o outro para o café e falar de sua vida, de sua personalidade! De uniforme somos a Individualidade, o missionário!

Deixe a vida lhe proporcionar o quê faz parte de sua personalidade, de seus encontros e desencontros “lá fora”!!! Os encontros acontecerão naturalmente, sem forçar... O mundo parece muito pequeno quando necessitamos encontrar quem está destinado a fazer parte de nosso caminho.

A conduta sexual desregrada destrói a moral do médium! Quantos Mestres e Ninfas, com grande conhecimento e que possuem muito a contribuir com a Espiritualidade, que perdem a oportunidade missionária por serem observados em seus comportamentos lascivos e sedutores?

Quantos lares destruídos ainda teremos que ver, por não resistirmos aos apelos do sexo casual? Creio que muitos podem avaliar a dor da traição e o quanto é difícil perdoar... Nos Angicais e Prisões, vez por outra, encontramos um irmãozinho que passou séculos vibrando contra nós, em virtude de uma dor provocada pela traição.

Levar ao extremo sexual uma atração iniciada pela Luz, é desvirtuar toda a missão! É desrespeitar a Guarda de Pai João, é ficar a mercê do próprio Karma.

Não pensem que os solteiros podem tudo! Um missionário é um missionário! Devemos viver nossas vida e desfrutar o quê ela nos oferece, inclusive o sexo. Porém, estamos aos olhos do mundo! As pessoas podem admirar nossa conduta ou nos desprezar. Como crer que aquele que prega o amor não leva em consideração os valores morais?

Erramos... Todos em algum momento da jornada estamos sujeitos a vacilações. Mas quando elas acontecem, abrem-se dois caminhos: Sair se justificando para se aproveitar quando a oportunidade surgir de novo; ou assumir que para um Missionário, a conduta inclui o respeito completo aos sentimentos alheios.

Separar nossa vida doutrinária de nossa vida profana é muito difícil, pois na verdade aprendemos que devemos é unificar as duas! Levar o missionário para fora do Templo e aprender a ser Jaguar 24 horas por dia.

Isso não quer dizer “ser santo”. Não somos santos! Nossa herança espartana nos diz isso! Mas a mesma herança também diz: disciplina, disciplina, disciplina!

Kazagrande

Amanhã: Sexo e Prisão

31 comentários:

Este comentário foi removido por um administrador do blog.

Meu irmão Ajanã,

Tudo em nossa Doutrina pode ser respondido com bom senso!

É muito difícil falar sobre sexo e podemos perceber que quase nunca se aborda o tema, justamente pela maioria ter problemas em poder separar bem a personalidade (cheia de desejos) e a individualidade missionária.

Não temos que nos sentir presos a falsos preconceitos. Encontraremos e reajustaremos com todas as pessoas onde, em alguma parte de nossa trajetória, desequilibramos energeticamente.

O quê não nos fere a consciência, não deve estar errado. Mas a pergunta é:

Quando despertarmos nossa verdadeira consciência, não iremos sentir o peso de nossas ações?

Alguns demoram muito para “acordar”, outros gastam menos tempo. Se desde já sente o “peso na consciência”, como escreveu, é porque algo está errado... ou de onde viria este “peso”?

Temos que viver e aproveitar a vida, mas respeitando e sendo verdadeiros em nossos sentimentos e desejos.

O texto não é nenhuma norma de conduta! Afinal Tia Neiva primava pela nossa liberdade e dizia que “era proibido proibir”, mas sim, uma abordagem doutrinária necessária, sobre um tema tão pouco comentado. Apenas isso: Um olhar doutrinário sobre este delicado tema que tanto temem falar.

Se quem assedia é homem ou mulher? O ponto de vista é o mesmo! A lembrança que fica é por conta do:

“quem não deve jamais assediar é o Mestre ou a Ninfa”!

Nossas personalidades são buriladas pelo tempo, pelas cabeçadas e pelo alto preço a pagar por nosso “descomprometimento”.

O artigo extra sobre os Ajanãs está “no forno”... Aguarda o momento de sentir que devo publicá-lo.

Um fraterno abraço,
Kazagrande

Erramos... Todos em algum momento da jornada estamos sujeitos a vacilações.

Mas quando elas acontecem, abrem-se dois caminhos:

Sair se justificando para se aproveitar quando a oportunidade surgir de novo;

ou

assumir que para um Missionário, a conduta inclui o respeito completo aos sentimentos alheios.

Oi mestre, sou uma ninfa doutrinadoura estou desenvolvendo ja nas aulas de iniciação,nas sete aulas do desenvolvimento o instrutor tinha alguma coisa q me deixava atraida,juro q nao é so a forma de falar sobre a doutrina tenho 20 anos e creio q ele tmb deve ter mais ou menos essa idade,eu sei q se tiver de ser será.

Caba bom, parece ter nascido no Nordeste de Pernambuco. Garra, determinação, postura, inteligencia em tudo que faz, que aborda, que explica, que ensina...isso sim é que é personalidade, continue mostrando ao mundo porque vieste fazer parte desta tribo, com certeza o Cacique Seta Branca está pulando de alegria.

Um grande abraço meu irmão.

Salve Deus!

Sexo sempre é um tema forte que todos temos problemas em comentar, mas eu digo com todas as letras que um individuo realmente mediunizado e comprometido com a caridade verdadeira terá um controle sobre sua sexualidade; o mestre foi muito suave em seu discurso temos que lembrar primeiramente que nosso templo não é um “point” de encontro lá é um trabalho sério de socorro a espíritos sofredores onde nós somos as peças de xadrez que quando usadas incorretamente podemos dar vazão a jogadas erradas. Então irmãos tentemos não fazer de nosso templo um local de paqueras onde a energia predominante seja a do desejo, nosso templo deve predominar o amor fraterno, a cura nós precisamos ser fortes "orar e vigiar"!

Um Fraterno Abraço^^

Um mestre instrutor de centuria,trino ,entrou em um comportamento lamentavel dentro do nosso templo.Separando uma ninfa de seu marido cujo nao fazia parte do vale.Desde desse triste episodio o vale aqui na nossa cidade tem sido motivo de chacotas de comentarios tristes,essa ninfa sol hoje proibiu e retirou a escrava do mestre instrutor por motivo de ciumes,esse mestre tinha um povo lindo madrinha,padrinho e escrava.Esse relacionamneto fez tamanho extrago na vida desse mestre que ja fazem 2 anos e continua com brigas ,ciumes ate mesmo ao lado do radar quando o mestre estra de orixá.
Era um grande mestre mais hoje em dia vibramos sem querer nele.devido a ter caido nessa armadilha de seus cobradores..
Mestre mago

Olá
Eu já tinha ouvido falar sobre o Vale do Amanhecer,
Eu nem sei se aqui e o lugar de se fazer esse tipo de pergunta.

Gostaria de saber
O que é o Vale do Amanhecer?
Ele é uma religião espiritualista, ele é voltado para a cultura
afriana?

Como é a relação da religião com a questão da orientação sexual?

Desculpe a serie de perguntas.

Obrigado

É ESSE ASSUNTO É POLEMICO
E SEM FALAR QUE O SEXO NÃO É O SOL DA VIDA

NOSSA VIDA NÃO DEVE GIRAR SOMENTE EM TORNO DO SEXO
SÓ LEMBRANDO QUE MUITAS CIVILISAÇOES CAIRAM POR FAZER O SEXO QUASE QUE UM RITUAL RELIGIOSO..
É BOM? É SIM... MÁS OS PARAPLÉGICOS TAMBEM ESTAO VIVOS MESMO SEM SEXO
SE O SEXO SE TORNAR UM VÍCIO É CLARO QUE VAI CAIR EM DESEQUELIBRIO
COM CERTEZA A PERSONALIDADE ACABA POR SOBREPOR A RAZÃO...
NINGUEM AQUI É SANTO MAIS TUDO TEM LIMITE
SOMOS COMO ESPELHOS TEMOS QUE REFLETIR O QUE SOMOS E FAZEMOS
POIS QUEM CHEGA NO VALE VÊ EM NÓS AJANÃS A LUZ QUE ELES PROCURAM
ATRAVEZ DE NOSSOS MENTORES
SE NAO DER-MOS O EXEMPLO SEREMOS DESACREDITADOS POR NAO TER CONDUTA QUE NAO SE LIMITA OAS PORTOES DO TEMPLO.
SEM JULGAMENTOS E COMO DIZ O KAZAGRANDE BOM SENÇO NUNCA É D+
SAUVE DEUS....

Mestre falar sobre namoro, envolvimentos amorosos e sexo è difícil em qualquer lugar, ou situação. Porém acho que seria bom os trinos começarem a colocar este assunto em pauta, nas aulas de iniciação. Entramos crus na doutrina sem conhecer uma vírgula, sobre a doutrina. E sem saber de nada começamos a ficar a mercê de nossos próprios karmas por falta de informação. Eu sou ninfa lua e namoro com um ajanã, nos conhecemos de branquinho, eu emplacada e ele com um mês de iniciado, inclusive falamos dos nossos interesses dentro da área do templo, vestidos de branquinhos, nem imaginávamos que não podia, abordar assuntos amorosos dentro do templo. Se bem que só fomos acertar que queríamos namorar do lado de fora. Nós nos gostamos muito, ate parece um amor transcendental, não conseguimos ficar longe um do outro. È justo nos dois ficarmos a mercê de nossos karmas? Uma vez que não sabíamos que não era uma conduta correta. Errado é os instrutores não abordar o assunto, motivo: (depois que começamos a namorar se um acha o fardo pesado e fala em entregar as armas o outro fala, se você entregar eu também entrego). Mas não falamos em separar. Mestre acho complicado, somente hoje lendo o Blog que venho a descobrir, que possivelmente quando o fardo está pesado, podemos estar a mercê de nossos karmas, e inocentemente estamos pagando por uma falha, uma falta de informação que ocorre nas aulas de iniciação. E neste caso o que fazer? Não gosto de fazer perguntas difíceis, mas desta vez minha duvida é grande. Como eu e meu namorado teríamos que ter agido? Por favor, mestre se for me responder responda aqui no blog mesmo. Por saber que este assunto pode ser do interesse de outros iniciados, que talvez possam ter sido levados para a doutrina pelos seus mentores para ter a oportunidade de reencontrar sua alma gêmea, ou quem sabe reajustar com quem feriu la no passado. Salve Deus mestre, que Deus Pai Todo Poderoso lhe cubra de bênçãos, para que possa sempre estar aqui sanando nossas duvidas nos dando forças para seguir em frente. Salve Deus
Por : Ninfa Lua

Meu estimado visitante,
Por favor, dirija suas perguntas para o emails Kazagrande@bolivia.com e poderei responder e lhe passar alguns libros de nossa doutrina para que compreenda um pouco mais e possa direcionar seus questionamentos.
Um fraterno abraço,
Kazagrande

Ola! É smepre bom ler o que foi deixado pela nossa mãe, muito chegam na doutrina e ouvem sobre os rejustes e os reencontros, experimentam sentimentos que não conseguem separar o que estão realmente sentindo pelo outro, deixando que o fisico fale mais forte, vindo a decepção e muitos saem da doutrinaou se afastam por não prestarem atenção nesta duas palavras tão mencionadas na doutrina "rejustes e reencontros",toda vez que experimentarem sentimentos confusos elevem o pensamento a Deus que ele em sua infinita misericordia guiara seus passos. Salve Deus!

As pessoas que chegam ate a dotrinas precisam compreender que estão chegando ali para encontrar com Deus e não sexo, casamento ou mesmo por não ter o que fazer em casa ou por não ter onde ir. Devem ter compromisso com o que é incinado na primeira aula de desenvolvimento e fazer disse uma verdade em sua vida "A EVOLUÇÃO ESPIRITUAL", e não evolução carnal ou material. lembrence para ir para o ceu temos que morrer, ai entrar a parte do que não foi feito por nós, chorar não adianta mas....

SAlve deus! Tivemos palestras às vésperas de nossas consagrações e depois também, ministradas pelos trinos que compunham a divina corte.Curioso, mas um dos temas foi justamente o assédio de mestres dentro do templo.Até mesmo com pacientes que vêm buscar alívio de suas dores. Triste porém real. Acredito que, todos os mestres que vão ao templo com este propósito, estão se condenando mais uma vez, pois o propósito de nossa missão é o amor incondicional, a tolerância e a humildade para com os menos esclarecidos.Devemos todos seguir os conselhos de nossa mãe em CRISTO e armarmo-nos contra nós mesmos e lembrarmo-nos das leis de causa e efeito. No dia de nossa iniciação, apontamos uma espada ao peito e juramos....Devemos carregar no bolso, no coração e na mente este juramento lembrando que a nossa conduta é a única garantia de nossa evolução. Parabéns CASAGRANDE leio sempre seus artigos.que nosso pai SETA BRANCA ilumine cada vez mais sua jornada. De seu irmão em CRISTO: Fernandes.Templo ANARAY de SALVADOR.

Salve Deus!
Nossos encontros, muitas vezes encontramos amores, um impulso, mas o outro é somente um cobrador encarnado, que não é necessário juntar-se amorosamente,os sentimentos se confundem. A cobrança se não for por amor, não há libertação.

Um pequeno Jaguar.

Mestre quando me sinto angustiada, sentindo um vazio uma respoeta para minhas duvidas eu releio todos os texto que preciso so assim minha alma meus pensamentos se acalma obrigada pelos texto pois antes de me revoltar vejo como e bom ler sempre pois tudo e uma rica oportunidade de evoluir,de dar vazao a reflecçao ante de esplodir.que Deus te ilumine sempre.

Adorei um comentário em especial,quando um mestre diz o seguinte;Nós sómos as peças de um xadrez que quando usadas incorretsmente podemos dar vazão as jogadas erradas.Então temos que respeitarmos o nosso templo sempreeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeeee!!!!!!!!!!!!!

Salve Deus! Tenho 10 meses de doutrina, é já consegui ver exemplos de ninfas aspirantes que vão ao templo somente em busca de relacionamento amoroso, sexo e assediando os mestres, Vi acontecer na realidade Pai João deixa ate mesmo uma ninfa aspirante,a mercê de seu karma quando ela tenta desenvolver na doutrina somente com estes propósitos. A espiritualidade e divina e conhece todos nós, conhece nosso intimo, nossos pensamentos e estas pessoas que entram na doutrina com outros propósitos que não são evoluir e fazer a caridade, conseguem enganar somente os jaguares ,mas não conseguem enganar a espiritualidade, mais cedo ou mais tarde eles afastam da doutrina. E os mestres que se permitiram envolver nessas situações embaraçosas, vêem sua missão despencar, pela sua ma conduta por vergonha de seus irmãos jaguares. E muitos afastam da doutrina por não terem conseguido ser luz e verdade para estas pessoas. Acredito eu, se os mestres e ninfas conseguissem sair de tais assédios, eles teriam toda a chance de ajudar estas pessoas a evoluírem e transformarem em missionários do Pai Seta Branca. Mas lamentavelmente quando acontecem estes envolvimentos afastam se todos. Jaguares vamos ser luz, amor e verdade e todos caminharem juntos para a nossa evolução e pela evolução deste planeta. Salve Deus: Ninfa Lua Tagana em Cristo Jesus.

Meu irmão Kazagrande, voce falou a pura verdade, concordo plenamente com o que escreveu, a verdade tem que ser dita, doa a quem doer, temos que estar atento ao vale da sombra, que, maquina e manipula a nossa mente com facilidade, dependendo da nossa sintonia. Boa sorte a todos. Que sirva de alerta pra quem deseja aprender... inclusive à minha pessoa.

Sou Ninfa Lua conheçi meu namorado no meu segundo domingo de desenvolvimento é uma historia linda q tenho orgulho de contar e fazer parte dela nós nos conheçermos melhor durante o intervalo das palestras mas felismente tem orgulho de dizer q nao foi nd premeditado entrei pq minha mae a mais de vinte anos é da doutrina naum entrei procurando alguem claro q naum so q simplesmente aconteceu existem casos q sao premeditados e tal mas naum foi meu caso hj eu e meu namorado nos respeitamos muito quando estamo de uniforme outra conhece casais de arcanos com ninfas casados noivos namorados q sao exelente exemplo q sim a maior possibilidade de haver namoro entre os componentes da doutrina se houver respeito e sabendo distinguir q dentro do vale somos missionarios e um desses exemplos é uma das netas da tia a Normanda casada com o Alex ela madrinha do desenvolvimento do grupo jovem e ele um dos coordenadores sem contar outros tantos casais de instrutores.

Acredito que o sexo é um tema muito individual e portanto muito complexo de tratar e me sinto envergonhado de falar, entretanto segundo o que o respeitado médium espírita Chico Xavier trouxe, é que o sexo dentro da conduta (monogamia e respeito ao próximo) é edificante sendo propriamente uma lei universal - lei da atração. A lei do auxílio e da caridade sendo como a fundamental para um espírito acompanha a lei do trabalho, enfim, na somatória das nossas atitudes da nossa vida, o que pesará mais? parabéns pelo artigo, fiquem com Deus.

Salve Deus! Muito interessante todos os comentários e conselhos q pude observa dentro da Doutrina foi muito ispirador para proseguir c minha conduta individual e espiritual. Atravês de minha Ninfa Darmonxito conheci o Vale do Amanhecer e acredito na existência de toda sua Doutrina q os pregam... contudo, sexo é um conceito muito individual para também ser compartilhado com o oposto desde que seja com respeito a se própio e aos outros. Quando se trata de Doutrina seja qual for a religião, sua individualidae dentro e fora de sua missão ha todo instante deve ser respeitada isso não ha dúvidas... Portanto é claro q nem todo mundo consegue separar sua individualidade pessoal de sua missão! Porem, desejo a todos q sigam com toda força q os seus mentores proporcionaram com toda proteção e q não acontecerá nada de errado se todos fizerem sua parte individual e missionária. "SALVE DEUS"

Salve Deus!
Qual tema não tem seu grau de dificuldade? Qual comportamento não tem sua própria lei de ação e reação? Portanto, vejo que falar sobre sexo na luz da Doutrina do Amanhecer, deveria ter o mesmo grau de envolvimento quando falamos sobre conduta doutrinária. Os respeitos às leis do Vale do Amanhecer, deixadas por Tia Neiva, precisam ser relembrandas todos os dias em nossas vidas, em nosso comportamento no Templo. Princípios simples como mestres e ninfas andarem com as mãos para trás e respeitarem o caminhar leve, elegante e no sentindo "horário". Se o básico não fazemos corretamente, como discutir sexo, envolvimento, encontros amorosos? Nesse universo tão amplo e tão complexo, como destinguir Arcanos de Iniciados? Como olhar para comportamentos de mestres e ninfas, que não respeitam essas leis tão básicas, e se dizem estar no Vale do Amanhecer há mais de dez, de vinte anos? Isso sem falar da importância da ionização corretamente, do respeito ao paciente, do silêncio, do estar à disposição para o trabalho da caridade e do amor incondicional. Simple? Definitivamente não é!! Se seremos envolvidos pela atração sexual por este(a) ou aquele(a)... isso será quase inevitável. Mas se os mestre ou ninfa estiver SEGURO do básico, temos certeza de que estará fortes para mais essa batalha na luz do amor incondicional, dos Filhos de Seta Branca. Salve Deus!!

Salve Deus!
Temos que lembrar que quando colocamos nosso uniforme e vamos para o templo, vamos pra servir na lei do auxílio. Basta nós buscar em nossa mente a prece do apará, que nossa consciência dispertara pra nossa missão!
Temos é que construir e não destruir....Abraços irmãos em Cristo Jesus!!!

sou ninfa do vale do amanhecer, o que me preocupa são comentários sem provas reais de envolvimento entre os mestres que levam até a fechamento de templos, muitos mestres inocentes pagam juntos pelos erros dos outros. Fiquei indignada ao saber que até adjuntos casados estão iludindo ninfas para tirar proveito pra si próprio, mas como não tenho provas ,coloco nas mãos de Pai Seta Branca

salve deus,eu ninfa lua tenho 2anos na doutrina conhecie a doutrina junto com meu marido e fomos juntos conhecer,conhecemos através de uma pessoa que já era da mesma,gosta-mos logo entremos para fazer parte da doutrina tudo estava bem: eu no começo fui doutrinadora e ele é ajanã então iniciamos e ele pegou sua primeira prisão eu não fiquei ele ficou preso sozinho eu não conhecendo a fundo as pessoas confiava em todas ninfas,e foi em troca de bônus que ele se envolveu com uma ninfa e com 8meses que estavá-mos na doutrina se separe-mos tudo bem mais continua-mos ele lá e eu também sem convesa,passou a ninfa e ele não continuaram a relacão perto já de fazer 1ano de doutrina a minha mediunidade passa de doutrinadora para apará e com 3meses que ele mim deixou por conta da ninfa ele sofre um açidente e quem vai ficar com ele no hospital sou eu pois a ninfa não quis acordo e depois disso voltamos a morar junto e criar nossa filha que também é da doutrina tem 10 anos a nossa filha eu lhe pergunto com nóis o que aconteçeu?reajuste?karma?ou tinha que ser assim.

Salve Deus!

Envie sua pergunta diretamente para meu email kazagrande@bolivia.com e lhe responderei adequadamente. Aqui nos comentários o espaço e a formatação dificultam muito.

um fraterno abraço,
Kazagrande

como podemos entra em comtato

o responsave pelo trabalho abatar como cordenador

Estimado irmão,
Mande um e-mail para kazagrande@bolivia.com e assim que retornar das férias estarei respondendo todos os emails atrasados. Infelizmente a internet na viagem está sendo complicada.
UM fraterno abraço,
Kazagrande

Mestre, eu posso ter algum ato sexual horas antes de ir para o templo? Sou médium de incorporação . Salve Deus!

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.