quinta-feira, 11 de agosto de 2011

O Tempo de cada um



Texto do Mestre Lua Anderson Augusto    

Por que as coisas parecem não se realizar na minha vida? Tenho a impressão de que tudo dá errado...

Salve Deus! A realização de nossos projetos e planos é diretamente proporcional ao nosso padrão vibratório. Nosso karma pode ser atenuado, mas o quê faz parte de nosso aprendizado na Terra, será vivido. Não podemos nos entregar ao medo do fracasso, pois Deus, nosso Amantíssimo Pai, está presente em todos os momentos de nossa vida, e a explicação para cada fato está dentro de nós: “O Senhor tem seu Templo em meu íntimo! Nenhum poder é demasiado ao poder dinâmico do meu espírito.”

Por vezes agimos de forma lógica e metódica, e ao final não obtemos sucesso como esperado. Não podemos subjugar nossas intuições, e o melhor é caminhar sem medo, ousando tantas vezes quanto necessário e sempre entregando as possíveis realizações àquele que faz presente em todos os momentos e habita em nosso íntimo.

A vida várias vezes nos trará uma “deduzida” contrariedade, mas esta contrariedade é, em sua essência, formada dentro de cada um pelo próprio desejo de que muitas coisas fossem diferentes. E, desta realidade ilusória, sobra-nos a constatação de que devemos procurar viver da melhor maneira com aquilo que pode nos contrariar. Francisco de Assis nos trouxe um belo exemplo da vida sem muitas posses e novamente retorna, agora com a capacidade de nos entregar as forças que já são a maior conquista de uma tribo convidada a muitos resgates.

Quando realmente começa a minha missão?

A missão é algo que é ativada por um chamado interior, não pela intenção do personagem que às vezes se entrega na vontade de ganhos individuais. Não é incomum se passar por uma situação material ou espiritual muito difícil antes de se sentir engajado em auxiliar os que passam por situações semelhantes. O grande pescador já passou pelas dificuldades da pouca produção ou dos desafios de um mar revolto, aquele que busca o próprio peixe terá assim o seu crescimento pela experiência, onde um dia se tornará apoio para os que desejam trilhar o caminho de conquistar o próprio alimento.

Aquele que perseverar, armando-se contra o próprio personalismo, em prol de um objetivo salutar, receberá as forças de Cristo Jesus, como o próprio retorno do mesmo, mas agora como um brilho no coração que simples palavras não podem externar.

Sinto que aquela pessoa ou familiar tem uma missão na Doutrina, por que ela não entende o que faço ou o que digo?

A experiência de cada pessoa, ainda mergulhada apenas em sua personalidade transitória, é apenas em função do que já viveu nesta encarnação. Somente após o início de uma jornada, onde a Individualidade pode ser despertada, é que se desperta também a experiência transcendental do espírito. Até então, cada ser humano agirá conforme sua natureza, seja de forma condicionada ou em busca de um entendimento maior. Assim, cada religião ou grupos de pessoas foi preparado para abarcar as pessoas com afinidades de conceitos ou objetivos, deste modo ninguém está errado na concepção que o faz entender a vida. Se qualquer pessoa tiver uma missão a realizar na Doutrina, intimamente a mesma será intuída a conhecer mais, e em seu interesse vai acontecendo algo que conhecemos como expansão de consciência. Porém, não nos cabe a prática de proselitismo ou esperar que as pessoas tenham as mesmas compreensões que já temos, ainda existe assim o livre-arbítrio o qual a mesma utilizará para saber o que melhor se encaixa em seus propósitos. O que nos resta, em verdade, é continuar a enxergar aquele, que por vezes nos combate, com igualdade, compaixão e alegria; isto já é o começo para muita realização de ambas as partes. O próprio caminhar equilibrado do Jaguar certamente despertará a curiosidade de muitos, então até em conversas descompromissadas, uma abertura maior do ouvinte proporcionará ao mesmo que até algum preconceito religioso anterior seja enfraquecido. O homem em geral ainda vive entregue a muitos dogmas e não haverá a redução dos mesmos com a prática do combate, mas a tolerância ainda é um bom método para quando ainda enxergamos algum tipo de ofensa ou incompreensão.

Até quando terei a oportunidade do uso das energias mediúnicas na Lei do Auxílio?

Aja a cada dia de acordo com as oportunidades. Se há algo a realizar com a família ou na vida material, execute o mesmo. Sempre é bom procurarmos separar nossas funções comuns daquela que depreende uma maior harmonia, como é o caso do trabalho mediúnico. Não se preocupe com o que virá, dê o melhor de si a cada dia na prática dos ensinamentos do Evangelho, sabiamente traduzida em nossa Doutrina por Amor, Humildade Tolerância. A vida pode parecer um jogo, mas o Reino prometido pelo Mestre Jesus não é deste mundo, então porque entregaríamos todas as nossas energias em “amor ao mundo”? A matéria sempre será transitória, então toda oportunidade de reduzir a dor é única, e a origem da dor está relacionada com a conseqüência de não saber amar. Ainda assim, não podemos confundir a palavra “amar”, já que este conceito há muito difundido, funciona como a palavra “apego”, o mesmo que o Mestre Jesus tanto alertou. O sentimento de igualdade já é um bom começo para o melhor entendimento da real palavra, mas as palavras tolerância e humildade vêm a perfazer um chamado àqueles que deixaram sua prática de lado, e precisam, a todo o momento, relembrar o trabalho a ser realizado em suas consciências.

Anderson Augusto - Mestre Lua

2 comentários:

Vibre sempre com amor, para aquele ente querido, que você sente que tem uma missão a ser cumprida, somente quando o coração, esta recebendo amor e boas vibrações, o espírito terá forças, para que a personalidade de cada um comece a enxergar a individualidade, mesmo que em uma religião diferente da doutrina do amanhecer. E cabem a vocês jaguares medianeiros entre o céu e a terra, vibrar com amor por estes que tens grandes missões, e ainda não entendem e não sabem que um dia fizeram um compromisso com Deus Pai Todo Poderoso. Queridos jaguares que o amor de vossos corações tenha a capacidade de ensinar o vosso irmão a amar.Que a proteção e as bênçãos de Deus pai Todo Poderoso, cubra cada um de vós queridos jaguares. Salve Deus

Podemos transformar tudo com amor. Quando contagiamos os irmãos com amor tudo se transforma,inclusive nosso interior.
Se estamos transmitindo o amor, com certeza receberemos o amor!Nós Jaguares e que escolhemos em que padrão vamos viver, tudo parte do nosso interior,vivemos em livre arbitrio.

Salve Deus!

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.