quarta-feira, 25 de maio de 2011

O Cavaleiro e a Guia Missionária


Muitos ficam se perguntando, logo após receberem a Consagração de Ministro e Cavaleiro, qual é a função do Cavaleiro, se só chegou a partir daquela Consagração, etc.

Para que possamos compreender bem, sempre usei uma definição forte: O seu Cavaleiro é a Polícia Federal! Sua guarda e segurança!

Força bendita dos planos espirituais, recebe a missão de lhe acompanhar, de estar ao seu lado sempre que você invocá-lo. Zelando pela sua segurança, seu equilíbrio. Não permitindo que nada, que não pertence ao seu carma, ou que seu próprio padrão vibratório permita, lhe atinja.

Dessa forma, ao consagrar a Centúria, e não somente quando receber o nome, você já está sob proteção especial. Só necessita velar pelo seu padrão vibratório para ter toda a segurança no cumprimento de sua jornada e compromisso espiritual.

A invocação do Cavaleiro com – 0 – é o seu “190”! Ele irá lhe atender sempre que a sua sintonia permitir.

Guia Missionária

Assim como o Cavaleiro acompanha o Mestre, a Guia Missionária acompanha a Ninfa.

Ela é sua proteção e segurança em todos os momentos de sua vida. Sua invocação com – 0 – é igualmente efetiva, dentro de tudo que sua sintonia permitir!

Entidades evoluidíssimas, provenientes do Reino de Zana, trabalham incessantemente na busca de espíritos desgarrados que se enredaram pelos Vales Negros.

A Ninfa ao receber sua Guia Missionária, logo da Consagração de Centúria, independente de passarem pela Consagração onde tomam conhecimento de seu nome, já estará sob sua proteção direta.

A Guia Missionária é seu “Anjo da Guarda” e seu telefone é o – 0 –  .

Uma característica fundamental da Guia Missionária é a cor com que manipula a sua energia, por isso é recomendado que o forro da Capa da missionária seja o mesmo da sua Guia Missionária, para uma maior sintonia e harmonização.

(Amarela, Azul, Branca, Lilás, Rósea, Verde, Vermelha)

Kazagrande

3 comentários:

Salve Deus Mestre!

Esta questão de nome realmente em se tratando de espiritualidade é uma coisa sem muita necessidade, certamente os espíritos se conhecem por uma marca ou vibração ou frequência, padrão, cor, sei lá. Assim com um cão nos reconhece pelo cheiro e nós reconhecemos uns aos outros pela imagem do rosto. Porém como humanos lidando com o abstrato da espiritualidade, precisamos de um referencial, seja ele uma imagem ou um nome por que nossa condição humana é ainda uma condição limitada.

Daí a necessidade do nome do mentor, entre outros a necessidade de se pintar o quadro da entidade com o vilela, pois assim conseguimos nos sintonizar melhor com eles e isso é apenas um mecanismo. Logo é obvio que o nome que não existia pode ser qualquer um sorteado pelo Devas pois há muitos ministros com os mesmos nomes, o que não quer dizer que sejam os mesmos. Entretanto mesmo que seja um sorteio o que importa é realmente como você se sente e como você passa a ter mais sintonia com seu ministro.

Vejam meu ministro foi registrado pelo devas como ARANTO, o outro devas que anotou o nome anotou ARANTOS e este foi o papel que recebi quando recebi o nome dele.

Eu estava incomodado com a minha emissão e pedi ao devas do meu templo para confirmar algumas coisas na minha emissão, principalmente um "de" que estava faltando antes do povo. Não sei explicar mas sentia minha emissão diferente como se eu nao estivesse alcançando meu ministro, enfim de alguma forma eu me senti perturbado.

E não é que depois o devas confirmou e acertou minha emissão?

É claro que quando recebemos os nomes ficamos mais tranquilos, pois a nossa sintonia com os mentores aumenta significativamente, não por conta da consagração em si, mas por conta que´nasce dentro de nós uma identidade, a identidade do nosso ministro e do nosso cavaleiro e isso facilita a nós chegarmos a eles, o que é meio esquisito de se dizer pois eles já devem estar conosco silenciosamente sabe-se lá até bem antes de nascer dependendo de cada caso.

Mas enfim, mestre agora ficou uma dúvida...

Como seria eu, na minh necessidade, invocar o ministro ou o cavaleiro?
Seria por exemplo Salve Deus! -> ministro/cavaleiro parto com -0- ?
Poderia dar um exemplo mestre Kazagrande?

Ao se sentir que vai sair do seu padrão, que se está nervoso a ponto de explodir com uma situação seria saudável invocar pela força dele para te ajudar a voltar ao padrão alto?

Abraços.

Walton

mestre porque as guias missionárias sempre começam com a letra A?
abraços.
Salve deus

Salve Deus! Sou ninfa Sol Yuricy, minha Guia Missionárria é Atugarana Verde! Salve Deus!

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.