terça-feira, 19 de abril de 2011

Primeiro de Maio de 2011


Após dois dias de viagem, partindo aqui da Bolívia, cheguei na madrugada do dia primeiro de maio a Brasília. Meu “padrinho de coração” me esperava para conduzir-me ao Vale do Amanhecer.

Chegamos ao Vale as 4h30 da madrugada, deixamos o carro próximo ao Templo e seguimos a pé, misturados a multidão, rumo a Estrela Candente.

No caminho podia sentir a vibração e ansiedade estampada nas faces dos que caminhavam ainda tentando separar a personalidade e mergulhar na individualidade.

Passei lentamente em frente à casa de Tia Lúcia, sentindo o perfume que exala das árvores daquela rua e que tantas belas recordações me desperta. O som dos mantras, emitidos pelas Falanges Missionárias auxiliava a conter as lágrimas que marejavam os olhos repletos de felicidade.

Posicionei-me na fila magnética esperando pacientemente a entrada na Estrela, sem pensar em mais nada que pudesse me distanciar da energia mágica e envolvente daquele Ritual, que aguardava os primeiros raios do sol.

Os Devas empenhados em revisar todos os pontos para a perfeita realização, andavam de um lado a outro aguardando a chegada das lideranças.

Por um instante que pareceu durar longos minutos, observei a chegada dos irmãos Gilberto e Raul. Semblantes alegres, consciências tranqüilas... Chegaram ao Radar e aguardaram a chegada da sempre tímida presença do Trino Sumanã. Ao chegar ao Radar, um instante de tensão: os três olharam-se calados por novos intermináveis segundos e por fim se cumprimentaram, primeiro com as mãos e depois, não resistindo a energia do momento, ao amor da Mãe que projetava sua imensa felicidade no Plano Astral, se abraçaram...

Quebrando o Ritual, o povo que atentamente observava começou a aplaudir. Um aplauso que parecia interminável! Uma energia desprendida pelas mãos e pelas lágrimas de comoção! Daquele instante em diante não havia mais Trinos, Arcanos, Emplacados... Todos eram filhos de Tia Neiva e sua presença podia ser sentida em um arrepio que percorria o corpo e fazia o plexo pulsar.

As desavenças, os mal entendidos, os conspiradores, tudo estava esquecido! Encerrado em uma poderosa e inquebrantável corrente magnética!

Nunca, deste a passagem de Tia Neiva, o Vale do Amanhecer teve um Ritual tão marcante. Um Primeiro de Maio onde prevaleceu a missão de Tia: O Doutrinador!

Após o Ritual, todos que tinham possibilidade, seguiram para Osfaya, e novamente juntos, os três, inauguraram uma nova Estrela.

Sonho de um exilado? Por enquanto é! Mas porque não poderia ser verdade? Porque não poderíamos materializar a união que todos intimamente sonhamos? Se Reili e Dubale se abraçaram sob o olhar de Jesus de Nazaré, e levaram este olhar a Galba e Tanoro, por que não crer que Tia Neiva levaria, com seu imenso amor, com seu olhar de mãe, a Gilberto e Raul seus filhos, se abraçarem na presença de toda “sua tropa”. Salve Deus!

Kazagrande

12 comentários:

A materialização de grandes acontecimentos, obras e conquistas primeiro parte de um sonho...

IDEALIZADORES SONHAM...
SONHOS SE TORNAM PROJETOS...
PROJETOS SE TORNAM REALIDADE...

Faremos muito mais pelo planeta todas as vezes que unificarmos nossos sonhos para o bem comum, para o coletivo!

Salve Deus!

Adj. Numanto, Mestre Juliano

verdade infinita........ mas que ainda tem uma doença silenciosa chamada vaidade,mas dizem que experança e a ultima q morre, vamos aguardar os proximos capitulos ou voltaremos novamente a resgastar tudo que deixaram p traz, nada se perde tudo se transforma rsrrsrs.
abraço

É.está na hora de ACORDAR.E trabalhar.Servir ao Pai Seta Branca,ao Cristo,na Missão que nos foi confiada.E rogar a Deus que se consiga fazer o Certo.o tempo urge.

Meu querido irmão.

Quem tem um somho não dança, já dizia o Poetinha Cazuza.
E quando esse sonho é compartilhado por muitos...

Continue sempre assim, otimista, compartilhando conosco as maravilhas que saem de sua mente.

Salve Deus

Adj Aman - Mestre Júlio Cézar

Lindo sonho meu irmão!!!

Acredito que o mesmo Olhar profundo e sereno que uniu Reili e Dubali, há de unir esses dois irmãos sob as bênçãos de Pai Seta Branca!!!

Salve Deus!

Adj. Oremano - mestre Adil.

O amor incondicional,terá a capacidade de unir o que a vibração dos homens ajudou a separar. Vamos todos sonhar juntos é que a nossa vibração positiva possa tocar os corações dos amados filhos de nossa querida e amada mãezinha Tia Neiva.

Salve Deus!

Por uma: Ninfa Lua

Sauve Deus Kaza meu irmão
Sonho de todos nós essa unificação

Caro e querido irmão Rodrigo , esse é o sonho de toda essa imensa família de Jaguares, torcemos para que esse seu sonho que também é de todos nós, possa se tornar realidade nesse Primeiro de Maio de 2011, espero que também possamos encontra-lo junto a sua ninfa, eu e a minha ninfa Tâmara estaremos presente nessa data, abraços do amigo Adj. Ganeiro Mestre Lionísio Carlos.

Tua escrita,são as palavras,do nosso senhor Jesus cristo,o teu sonho,é compartilhado por todos!no coração, de todos os jaguares,áh esse anseio,essa vontade,essa verdade;Todos juntos, em vibração,com esta vontade, com esse amor incondicional; Mesmo aqueles,que furmegaram e irradiaram a discordia,sentindo que os seus anseios e feitos não foram realizados,sonham voltar para seu cantinho,sua casa,seu aledar,a paz interior,o coração de koatay 108!Façamos essa corrente,de amor e compreenção,e vibremos em direção,aos nossos irmãos,que nus compreende e os que não nus intende

Que seria de nós se não sonhássemos? Vamos todos nesta corrente maravilhosa sonharmos para que tudo isto ocorra. Vamos somar contigo mestre Kasagrande, vamos sonhar com vocês que semeiam a união e, sabem que a doutrina é forte pelo amor mantido, vamos sonhar que tudo isto é real, vamos sonhar que a festa do primeiro de maio será um presente da evolução humana, vamos sonhar e pedir a Reli e Dubali para quebrar as amarras da competição, todos somos fortes quando estamos juntos, a missão é mais tranquila quando deixamos de competir e passamos a somar, uma corrente quando quebra um elo deixa perde sua dimensão. Vamos todos lutar pela propagação do amor.

Salve Deus!
Ao mestre que comentou sem ler: Dizendo que este "depoimento" nao teve nada a ver com o Primeiro de maio... Usando inclusive palavras ofensivas...

Isso nao foi um "depoimento"! É a narrativa de um desejo sincero e foi escrito em 19 de abril, bem antes do Primeiro de Maio!

Salve Deus! Antes de sair ofendendo as pessoas, termine de ler!!!

Kazagrande

Kazagrande. Aprendi que, na briga, entre Raul e Beto, preciso escolher de que lado estou, mesmo não querendo me envolver. Então escolhi. Fico com o Pai Seta Branca.

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.