terça-feira, 15 de março de 2011

Caiu a Carapuça?


Neste Blog, diferente do que muitos possam pensar, falo apenas de coisas simples de nossa Doutrina. De valores, diretrizes, de fundamentos e princípios deixados pela nossa Mãe Clarividente.

Não sei se tenho coragem... Considero apenas a inspiração para escrever sobre temas tantas vezes esquecidos, ou mesmos encobertos pelas conveniências.

Tenho consciência de que abordar temas como a “Fábrica de Médiuns”, “Cruzamento de Correntes”, “Incorporações e Vidências”, “Política”, “Troca de Adjuntos e Falanges”, podem incomodar os que desejam cegar àqueles que buscam a essência da Doutrina e a pureza com que foi concebida por Tia Neiva.

Hoje mesmo, soube de um Adjunto que após o “Fábrica de Médiuns” proibiu que copiassem os textos do “Exílio do Jaguar”... Proibiu??? Bem, quem sou eu para julgar, deve ter aprendido assim, mas será responsável por ensinar assim.
Não me preocupo! Cumpro diariamente minha pequena jornada e surpreendo-me a cada dia com o aumento dos emails, das visitas, dos downloads e da grande carência de informações que assola a maioria dos médiuns.

Escrever sobre coisas básicas, do “Sal e Perfume” ao comportamento na Prisão e Angical, rejuvenesce o coração deste Exilado e me conduzem de volta ao convívio com vocês, meus amados irmãos e irmãs.

Temos muito ainda a “falar”, fico perplexo com a quantidade de sugestões e verdadeiramente vivo a cada uma delas, quando um novo texto surge. Registro categoricamente que ao receber uma sugestão imediatamente coloco na “fila de espera” e inicio uma pesquisa em nossos acervos, livros, áudios, até que chegue a abençoada inspiração para escrever.

O carinho recebido a cada novo texto me faz viver!

Existem assuntos que parecem esquecidos, mas que um dia já fizeram parte do cotidiano de nossa Doutrina: detalhes Ritualísticos da Estrela Candente; origens da Cruz do Caminho; revivendo nossas heranças no Turigano; o magnífico Ritual de uma Estrela Sublimação; trabalhos que contam com um apoio direto não só da Espiritualidade, mas também de nossos irmãos de Capela. As Amacês capelinas e a verdade sobre a condição física de nosso planeta de origem ficam relegadas ao medo do ridículo, sendo que seu Mário (Trino Tumuchy) e Tia Neiva, falavam abertamente sobre estes assuntos hoje tidos como “polêmicos”. Esquecemos que o Mestre Jhonson Plata está entre nós encarnado, cumprindo silenciosamente a sua missão e tudo isso nos foi dito, escrito, gravado...

Sim! Há muito mais para desvendarmos e nada é verdadeiramente polêmico! Deve ser visto sob o manto do que seja bom e produtivo em favor de nosso conhecimento, do descortinar de nossa visão pela Individualidade!

Aos que temem pelas suas lideranças, peço que compreendam que sou apenas um Jaguar comum, escrevendo sobre o que deveria ser totalmente comum a todos nossos irmãos. Nada aspiro, ainda tenho alguns anos neste exílio e espero ser merecedor de tudo que tenho recebido tão distante de vocês.

Não sou nenhum “sabe tudo” e nem tenho as “chaves de nenhum templo”, apenas compartilho o quê demorei para aprender a viver e ver, e ainda confesso que aprendo, ou “desperto”, mais a cada dia que me é permitido escrever de novo!

Aos que se incomodam... Só me resta repetir a frase de Tia: “Caiu a carapuça?”

Kazagrande

10 comentários:

Olá Mestre!
Como fico feliz ao ler suas postagens. É nobre compartilhar quem já está acima de tantas mesquinharias e mediocridades.
Tenha certeza que suas orientações são mais que benéficas para todos aqueles que querem tornar sua caminhada atual mais esclarecida, mais evoluída.
Nós estamos vivendo horas tão significativas para o nosso querido Planeta Terra, que chega a ser deplorável ver alguns Adjuntos se contorcendo em seu orgulho e vaidade. É lamentável.
Que O Pai Maior lhe dê cada vez mais Amor, Humildade e Comprometimento com nós outros.
Salve Deus!

SAUVE DEUS Mestre Kazagrande

Bendito seja você e todos os colabordores desse Blog
que nos preenche com a Luz do esclarecimento
só tenho a agradecer por tudo que aprendi e aprendo
com vocês
como diz Pai João de Enoque essa doutrina é muito Simples
muitos de nós e que complicam as coisas
Simplicidade... AMOR , HUMILDADE & TOLERÃNCIA
buncando sempre a Voz da Razão
que a Luza Bemdita de DEUS Pai todo poderoso
ilumine a todos Nós
Fiquem em PAz.

Thank you, and please continue teaching. Salve Deus.

Salve Deus Mestre Kazagrande, bom dia!
Esse texto me remete à um dia em que eu estava num retiro, e encontrei com um mestre do tempo da tia. Ele veio me contar das coisas erradas que há muito tempo vinham acontecendo nos trabalhos. Contou de uma passagem que aconteceu com os trinos e alguns mestres, que levaram um relatório com a totalização dos trabalhos realizados na estrela candente naquele ano, perfazendo assim, 760 consagrações. Pai Seta Branca então pediu para que a Tia informasse aos mestres que dessas consagrações apenas 60 foram registradas. Tudo pelo motivo de que o mestrado não estava se conduzindo corretamente no momento da realização. Conversas, coroamento feito errado...enfim, uma série de acontecimentos que não permitiram que o trabalho se realizasse em sua totalidade. Aí fiquei pensando... puxa, pq que essas informações não são passadas com mais clareza ao corpo mediúnico? Um trabalho tão sério e preciso como este, e como todos os outros, com certeza há uma necessidade urgente de que aulas fossem ministradas ao corpo mediúnico para esclarecer certas dúvidas, corrigir certos erros! Como pensa sobre isso Mestre?
Ninfa Sol (Rosa) templo mãe.

Somente a Deus pertence as forças que incidem sobre todos nós, e alguns esquecem que ele pode retirar a qualquer instante ,de acordo com o proveito que se faz delas em prol da caridade pura. Triste ver, que alguns mantém o apego a uma ilusória posição de status mediúnico, status este que não conseguem obter na sua vida física de encarnado. Lembrem-se quanto mais alto, maior o tombo. Informação é luz, e ela precisa continuar a ser emanada, doa a quem doer. Salve Deus !!! Que caiam por terra os egos dos cegos...

Fazia tempo que eu não escrevia algo [não que eu não estivesse acompanhando as postagens] antes de ir pra aula na faculdade eu dou sempre uma passada no laboratório esperando algum novo texto :)

o que me traz aqui meu caro,é justamente essa interação,essa busca de conhecimento,e uma coisa: um adjunto que proibe seu povo de buscar por saber? Salve Deus, sinto pena das "costas" dele,espero que sejam largas o suficiente:)

No mais venho agradecer-lhe mais uma vez pelos seus ensinamentos,pelo conhecimento que tenho certeza que 99% dos que aqui chegam nunca teriam nos seus templos [até pelos fatos que o senhor mesmo presenciou na época da Tia]

Um grande abraço,e que seus mentores sempre concedam inspiração, proteção, saúde e prosperidade para o senhor e pros seus!

Vá em frente meu irmão,seu trabalho é excelente e surte efeito imediato.
O conhecimento que temos neste site compensa qualquer situação. Infelizmente, alguns Presidentes de templos, esquecem que jaguar nenhum possui carteira de trabalho para exercerem suas funções nos templos do amanhecer,por tanto não existe patrão no vale. Muitos se acham donos da verdade, da estrutura física destinada a construção dos templos e tratam os mestres como se fossem seus funcionários. Pura falta de conhecimento doutrinário,falta de equilíbrio emocional e desejo de poder. Oremos por esses presidentes, para que, ao desencarnarem e estiverem diante da realidade espiritual, não tenham do que se envergonhar. Meus irmão, esqueçam a velha estrada, procurem a evolução, antes que seja tarde demais...e serão felizes, sorte!

Viisheee, ate dos estados unidos o blog é acessado, olha que BENÇÃO ne, Salve Deus, um GRANDE ABRAÇO

Querido Ir.
Continue com este excelente trabalho.Sabemos que ninguem é dono da verdade, estamos todos em busca da verdade. Veja que você não vê este tipos de comentários de ninfas lua ou ajanã, isto só vem de doutrinador. Todas as confusões que acontecem nesta doutrina, sempre partem do doutrinador.Que na verdade é um simples auxiliar do apará.O que vejo na verdade são papagaios emitindo textos decorados, frases decoradas, verdadeiros automatos.O doutrinador tem um papel importante quanto consegue se mediunizar de verdade.Eu sou doutrinador e me vejo com uma mediunidade elementar, como todos os que habitam aos trabalhos no templo.Eu creio que o vale trabalhará com a sua totalidade de sintonia quanto for dirigido por um medium de incorporação, como era antigamente, assessorada pelos seus auxiliares doutrinadores.O que falta no vale é LÍDER DE VERDADE.Para ensinar matemática é preciso fazer um curso superior de matemática, pós graduação, mestrador e doutourado,diplomado de verdade, para entrar na sala de aula para ensinar.
Salve Deus!!

Meu irmão seus textos trazem o amadurecimento de alguém que já compreendeu que o Criador está em todos os lugares, independentemente de religiões ou posições políticas. Será certo falar em liberdade de expressão no ambiente religioso? Tomemos o nosso irmão e exemplo maior Jesus Cristo: Cristo foi o primeiro ser humano a lutar por uma sociedade mais justa. Ele enxergava a hipocrisia de sua época e combatia os charlatões que se utilizavam da fé e da ingenuidade das pessoas. Isso pode ser visto em duas passagens: no perdão a mulher adúltera quando proferiu o célebre questionamento "quem dentre vós estiver sem nenhum pecado que atire a primeira pedra"; e na expulsão dos vendilhões do templo. Jesus não foi morto para "salvar nossos pecados" como dizem muitas religiões. Ele foi apartado do mundo porque, numa época em que a base do império romano era a escravidão e a opressão, lutava por uma sociedade mais justa. E isso incomoda até hoje. Ele abraçou os mendigos, as prostitutas e os excluídos que a ocasião lhe permitiu abarcar. Jesus não falava de religiões, mas da consciência entre o agir certo e o agir errado - "não faça ao próximo o que não gostaríeis que fosse feito contigo". Às vezes, o certo não é consenso e é exatamente nesses momentos devemos agir com a consciência entre o certo e o errado. Isso não é nada fácil.
Ainda com relação ao conteúdo de seus textos, é importante frisar que mais do que alcançar a aprovação ou não das pessoas ele traz a polêmica. Isso é bom porque força-nos a refletir sobre a nossa condição humana enquanto missionário espírita. Nesse sentido, Allan Kardec traz no capítulo XIX, 7, do Evangelho Segundo o Espiritismo a seguinte reflexão:
“A resistência do incrédulo, devemos convir, muitas vezes provém menos dele do que da maneira por que lhe apresentam as coisas. A fé necessita de uma base, base que é a inteligência perfeita daquilo em que se deve crer. E, para crer, não basta ver; é preciso, sobretudo, compreender. A fé cega já não é deste século (1), tanto assim que precisamente o dogma da fé cega é que produz hoje o maior número dos incrédulos, porque ela pretende impor-se, exigindo a abdicação de uma das mais preciosas prerrogativas do homem: o raciocínio e o livre-arbítrio. É principalmente contra essa fé que se levanta o incrédulo, e dela é que se pode, com verdade, dizer que não se prescreve. Não admitindo provas, ela deixa no espírito alguma coisa de vago, que dá nascimento à dúvida. A fé raciocinada, por se apoiar nos fatos e na lógica, nenhuma obscuridade deixa. A criatura então crê, porque tem certeza, e ninguém tem certeza senão porque compreendeu. Eis por que não se dobra. Fé inabalável só o é a que pode encarar de frente a razão, em todas as épocas da Humanidade. “
(1) Kardec escreveu essa palavras no século XIX.

Postar um comentário

Comente com amor! Construa, não destrua! Críticas assim serão sempre bem vindas.